Luiz Castro defende política de produção de alimentos saudáveis

By -
luiz-castro
Integrar a educação e a saúde à agricultura familiar, é a proposta do candidato a prefeito de Manaus, Luiz Castro (REDE/PMN), para promover a produção de alimentos saudáveis nas comunidades rurais de Manaus, incentivando as práticas de cultivo sustentável, que não agridem o meio ambiente, nem causam riscos à saúde da população.

Em sua participação no debate realizado hoje (19), no Ifam-Campus Zona Leste, Luiz Castro destacou a necessidade da implantação de políticas efetivas para o setor primário, especialmente para o fomento da agroecologia e de técnicas agrícolas, que produzam alimentos sem o uso de agrotóxicos.  
“Temos muitos estudos na área de agroecologia nas instituições de pesquisa, muitos avanços, mas não temos ainda uma política pública forte de produção de orgânicos”, enfatizou.
De acordo com o candidato, o setor primário precisa de uma política pública integrada de cadeia produtiva, de cadeia de valor, começando pelo terreno, pelas sementes, pela colheita, passando ao beneficiamento e escoamento dos produtos.
luiz-castro
“Precisamos construir essa política de verdade, levar educação e saúde às comunidades rurais, ampliar a oferta de crédito, pavimentar os ramais e vicinais, para o escoamento da produção. Já temos cooperativas agrícolas bem organizadas, o que falta é vergonha na cara para priorizar o produtor”, ressaltou Luiz Castro.
Ele defendeu a importância do respeito à cultura amazônica, à riqueza de produtos que podem ser incluídos na alimentação da população. “Precisamos diversificar, complementar a alimentação com  produtos regionais. Temos potencial, mas acabamos perdendo para os enlatados e importados”, comentou.
Em seu programa de governo, Luiz Castro propõe a criação do Programa Municipal de Agricultura Familiar que firmará convênios com os governos federal e estadual para o desenvolvimento da agricultura, avicultura, suinocultura e da piscicultura, dentre outras. Ele propões também a implementação de uma Central de distribuição e de comercialização da produção em Manaus, contemplando, assim, o interesse dos produtores.
Outro ponto em destaque no programa de governo do candidato, é a criação de um Programa de Regionalização da Merenda Escolar, que vai garantir alimentação de qualidade para os alunos e geração de emprego e renda para os agricultores familiares e pequenos produtores do entorno de Manaus. “Vamos ampliar a participação dos nutricionistas, inclusive nas escolas. Atualmente, a Prefeitura possui  apenas três nutricionistas”, frisou.
A audiência popular para a apresentação de propostas dos candidatos a prefeito de Manaus foi promovida pelo Ifam em parceria com a Rede Maniva de Agroecologia, com o objetivo de debater a soberania alimentar e a produção orgânica em Manaus.

Áida Fernandes