Josué Neto sugere programa estadual para incentivar doação de órgãos

By -
Dep. Josué Neto

Dep. Josué Neto

A taxa de doadores de órgão subiu de 13,5 por milhão de pessoas para 14,2 por milhão, no entanto, nos últimos dois anos, mas ficou abaixo da meta proposta pela Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO) para 2014, que era de 15 por milhão. Para incentivar a doação de órgãos no Amazonas, o Projeto de Lei (PL) 116/2015 de autoria do presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Josué Neto (PSD), institui a ‘Campanha Permanente de Esclarecimento e Incentivo à Doação de Órgãos’.

O PL estabelece a criação de campanhas publicitárias de cunho educativo, inseridas nos veículos de comunicação em geral. Sugere, ainda, a inclusão de atividades educativas e informativas no âmbito da rede pública de ensino do Estado e do município.

A inclusão de atividades educativas e informativas nas unidades básicas de saúde e nos demais órgãos públicos também é uma proposta do PL. Além disso, o projeto sugere que parcerias com municípios ou outros entes públicos ou privados sejam firmadas para conscientizar sobre a necessidade da doação de órgãos.

No Amazonas, o Programa de Transplantes do Governo do Estado começou a funcionar em 2002. Já é realizado transplantes de rins, fígado e córnea.

Roberto Brasil