Josué Neto é homenageado por auditores fiscais

By -
Segundo Josué Neto, a Aleam procura estar sempre atenta às reivindicações do funcionalismo público

Segundo Josué Neto, a Aleam procura estar sempre atenta às reivindicações do funcionalismo público

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado estadual Josué Neto (PSD), foi homenageado nesta segunda-feira (21), pelo Sindicato dos Funcionários Fiscais do Estado do Amazonas (Sindifisco-AM) e pela Associação dos Funcionários Fiscais do Estafo do Amazonas (Affeam). A homenagem foi realizada durante a cerimônia de abertura da 9° Semana do Auditor Fiscal dos Tributos Estaduais que aconteceu, pela manhã, no auditório da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz-AM).

Josué Neto recebeu das mãos do secretário de Fazenda, Afonso Lobo, uma placa de honra ao mérito pelas relevantes contribuições à categoria, principalmente ao conduzir a votação e debate de propostas na Assembleia Legislativa referentes aos direitos dos servidores fiscais do Estado, e estendeu a homenagem aos demais parlamentares estaduais. “Essa homenagem é dividida a todos os 24 deputados estaduais, é uma homenagem destinada ao Poder Legislativo. Essa iniciativa reforça o nosso compromisso e a certeza de estamos no caminho certo”, afirmou o presidente.

Em seu discurso, o Josué Neto disse que a Aleam procura estar sempre atenta às reivindicações do funcionalismo público, e lembrou que os auditores fiscais tem sido grandes parceiros do parlamento estadual, porque a cada reforma administrativa proposta pelo governador José Melo (PROS), e encaminhada ao Legislativo, os auditores fiscais tem ajudado a esclarecer dúvidas dos parlamentares, que a proposta seja submetida à votação.

Durante o encontro outras autoridades foram homenageadas, entre elas o deputado estadual Belarmino Lins (PMDB) e o governador José Melo, que fez uma exposição sobre as ações do executivo no combate à crise e encerrou otimista quanto a recuperação do Amazonas. Ele declarou que o Estado vai ter uma recuperação muito rápida no pós-crise tendo em vista o número de empresários que querem investir na região.

Roberto Brasil