José Melo trata do apoio na área social e segurança pública junto aos prefeitos do interior

By -

A construção de novas unidades de Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), o reforço no aparato policial e o fortalecimento na área da educação superior foram algumas das demandas discutidas no terceiro dia do encontro dos prefeitos do interior do Amazonas com o Governador José Melo, vice-governador Henrique Oliveira e equipe de secretários estaduais. Ao lado da primeira-dama e Presidente de Honra do Fundo de Promoção Social (FPS), Edilene Gomes de Oliveira, o governador acolheu as necessidades dos representantes do poder municipal e alinhou as ações que vão trazer suporte para os trabalhos nos municípios. 

A melhoria da rede de assistência social em todo o Estado foi um dos pontos elencados pela equipe de Governo junto aos prefeitos de 14 municípios atendidos nesta quarta-feira (29), na Sede do Governo, zona oeste. Para este ano, o Governo do Amazonas, por meio do Fundo de Promoção Social (FPS), vai destinar R$ 6 milhões para a construção de novos CRAS e a aquisição de veículos para o serviço das equipes em 58 municípios. O CRAS é responsável pela organização e oferta dos serviços de Proteção Social Básica do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) nas áreas de vulnerabilidade social. De acordo com a Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas), a licitação está em andamento e, ainda no primeiro semestre, os carros devem ser adquiridos.

“Está sendo bastante produtivo o diálogo com cada prefeito, independente dos partidos, porque  o que está sendo discutido são os benefícios para a nossa população que precisa de nosso apoio e de um bom trabalho de seus representantes para os quais foram eleitos. Até o último dia desse encontro vamos fechar importantes planejamentos de gestão para todas as cidades, para alcançarmos o crescimento, a produtividade e a geração de emprego e renda para as famílias amazonenses”, enfatizou o governador José Melo.

O apoio à área de assistência social tem sido fundamental no encontro com os prefeitos.  A primeira-dama, Edilene Gomes de Oliveira, garantiu a entrega de veículos que darão auxílio nas atividades do CRAS no interior. “Todos os 58 municípios que não receberam veículos para os CRAS, receberão este ano. Por enquanto, vamos entregar um veículo por município para que a gente possa sair do sufoco, levar nossas crianças e adolescentes e executar a política pública”, disse a primeira-dama.

O município de Benjamin Constant (1.121 quilômetros de Manaus) é um dos contemplados com o veículo para atender ao Centro de Referência de Assistência Social da localidade. Ainda foi firmado o compromisso com a construção de um Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), que atualmente funciona em um endereço alugado.

Policiamento – A segurança pública nas cidades é outro fator discutido desde o primeiro dia de reunião com os prefeitos. Conforme o Comandante-Geral da Polícia Militar, Coronel David Brandão, cada município está sendo beneficiado com novas viaturas, em substituição às antigas nas localidades, bem como auxílio no efetivo policial para conter a criminalidade e o tráfico de drogas.

Educação superior – Para melhorar a qualidade no ensino básico e superior do município de São Paulo de Olivença (985 quilômetros da capital), o Governo Estadual vai retomar as obras de construção de um núcleo da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), bem como vai dar a ordem de serviço para a construção de uma Escola-Padrão de 12 salas e um Centro de Educação de Tempo Integral (CETI). “Saímos satisfeitos com a atitude e providências do Governador José Melo, que tem feito um grande trabalho com as prefeituras municipais. Temos diversas necessidades e cremos que esse planejamento vai dar certo para nosso trabalho”, disse o prefeito de São Paulo de Olivença, Paulo Mafra.

Municípios – Neste terceiro dia, a reunião ocorreu com os prefeitos dos municípios de Uarini, Alvarães, Tefé, Atalaia do Norte, Benjamim Constant, Tabatinga, São Paulo de Olivença, Amaturá, Santo Antonio do Içá, Tonantins, Jutaí, Fonte Boa, Manicoré e Tapauá.

Roberto Brasil