José Melo inicia agenda de reunião com prefeitos e anuncia investimentos no interior

By -

Gov. José Melo | Pref. José Maria (Boca do Acre)

O governador do Amazonas, professor José Melo, deu início, nesta segunda-feira, 27 de março, a uma extensa agenda de reuniões com prefeitos dos 61 municípios do interior amazonense. Em pauta, o desenvolvimento socioeconômico do interior do Estado, que ganha novo fôlego a partir deste ano. Já no primeiro dia, o governador reuniu com 17 representantes municipais, das calhas do Juruá, Purus e Madeira, e anunciou investimentos para serem utilizados principalmente no Setor Primário,  Saúde, Educação, Segurança e infraestrutura.

“Nós vamos aproximar cada vez mais a nossa gestão da população do interior e não há ninguém melhor para nos mostrar as necessidades de cada município, que não seus prefeitos. Vamos investir, levar infraestrutura, além de assistência e promoção social e garantir oportunidades para estas pessoas. Esse é o inicio de um trabalho que segue até o final desta semana, com reuniões todos os dias”, afirmou José Melo.

Para dar celeridade nas soluções das demandas dos municípios, a reunião contou com a presença de grande parte do secretariado estadual, com pastas importantes como Saúde, Educação, Segurança, Infraestrutura, Direitos Humanos, Assistência Social, Produção e Esporte, Juventude e Lazer.

Gov. José Melo | Prefª Maria do Socorro (Ipixuna)

A criação e revitalização de escolas regulares e Centros de Ensino de Tempo Integral (Cetis) também entrou na agenda de demandas a serem atendidas para levar qualidade no ensino para os municípios mais afastados, assim como a atuação do Banco do Povo e do Fundo de Promoção Social (FPS).

Além disso, Melo fez questão de se comprometer com a revitalização da malha viária das cidades e de ramais, que desde a implantação da Matriz Econômica  Ambiental, está diretamente atrelada à economia, uma vez que são  essenciais para a logística da produção do interior.

“Já temos 48 ramais licitados e prontos para o início das obras. Agora, de acordo com a necessidade apresentadas pelos municípios, vamos mapear o que precisa ser feito e dar andamento ao asfaltamento”, explicou o governador.

Gov. José Melo | Pref. Antonio Maia (Itamarati)

Municípios – Um dos primeiros a se reunir com o governador, o prefeito de Eirunepé, Raylan Barroso, foi um dos que mais elogiou a iniciativa de José Melo. Na pauta que apresentou ao Governo do Estado, a implantação e fomento de um pólo de avicultura no município foi a principal bandeira.

“É muito importante ter esse contato direto com a administração estadual. Nós ganhamos a oportunidade de poder apresentar as reais necessidades dos nossos municípios e ainda temos soluções rápidas e positivas por parte do governador José Melo”, afirmou.

A educação de nível superior no interior também foi uma constante entre as demandas municipais, principalmente no município de Itamarati, administrado pelo prefeito Antonio Maia da Silva, que defendeu a criação de um pólo da Universidade do Estado do Amazonas em sua cidade. “Sabemos das dificuldades da economia, mas com a boa vontade do governador essas propostas podem ser atendidas. Além disso, outras demandas como asfaltamento e revitalização de ramais serão atendidas”, disse.

Gov. José Melo | Pref. Ivon Rattes (Envira)

Cheia e vazante – Problemas causados pelas cheias e vazantes dos rios amazônicos foram apresentados por praticamente todos os administradores municipais, o que não foi uma surpresa para o governo José Melo, que já atua no auxílio dos ribeirinhos com a presença da Defesa Civil do Amazonas em todas as regiões afetadas. Com a boa gestão de 2016, Melo pôde direcionar R$ 30 milhões apenas para este fim.

Entre as medidas, o governador José Melo participa, nesta terça-feira, 28, do envio de 500 toneladas de ajuda humanitária para atender os quatro municípios da calha do Juruá, que estão em Situação de Emergência por conta da enchente.

Com reuniões programadas até o início da noite,  nesta segunda-feira, os prefeitos recebidos pelo governador foram de Guajará, Ipixuna, Envira, Eirunepé, Itamarati, Carauari, Juruá, Boca do Acre, Lábrea, Canutama, Beruri, Humaitá, Apuí, Novo Aripuanã, Borba, Nova Olinda do Norte e Japurá.

Roberto Brasil