José Melo inaugura a primeira Unidade de Proteção Civil e Meio Ambiente

By -
Segundo o governador José Melo, a unidade deve ser replicada em outras regiões do Estado

Segundo o governador José Melo, a unidade deve ser replicada em outras regiões do Estado

O governador José Melo inaugurou nesta segunda-feira, 5 de outubro, a primeira Unidade de Proteção Civil e Meio Ambiente do Estado do Amazonas, no distrito do Cacau Pirêra, em Iranduba, na Região Metropolitana de Manaus. O projeto reúne ações de diversos órgãos e entidades estaduais com o objetivo de oferecer, de forma integrada, serviços nas áreas de segurança e defesa civil, preservação ambiental e desenvolvimento social. 

De acordo com o governador, a unidade modelo será referência na prestação de serviços e deve ser replicada. “É uma unidade modelo que estará apta a atender vários casos, como incêndios. É uma estrutura que deve ser replicada em outras regiões do Estado, com a novidade que é abrigar o aparato na área social, ambiental e a defesa civil, descentralizando um pouco os serviços prestados pelo governo”, afirmou José Melo. 

melo-unidade-protecao-meio-ambiente-2A Unidade de Proteção Civil e Meio Ambiente é uma iniciativa do Corpo de Bombeiros Militar e da Defesa Civil do Estado que integra, além desses dois órgãos, representantes das Secretarias Estaduais de Meio Ambiente (Sema), Saúde (Susam), Assistência Social (Seas), da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (Crea) e Bombeiros Civil. 

Resposta rápida – A Unidade permite ao Corpo de Bombeiros apresentar resposta rápida a qualquer sinistro, bem como reúne representantes capazes de atuar nas operações de Defesa Civil, na prestação de serviços técnicos que atualmente só se encontram disponíveis na capital, e em projetos ambientais e socioeducativos, entre outros. Inicialmente, a Unidade será composta por 30 bombeiros, que atuarão em cooperação com equipes técnicas dos demais órgãos envolvidos. 

melo-unidade-protecao-meio-ambiente-3Durante a solenidade de inauguração, o governador entregou certificados a 170 brigadistas, os primeiros formados pela Unidade em Iranduba. Estavam presentes e em forma, juntamente com a tropa dos bombeiros, 60 crianças e adolescentes que farão parte do projeto Bombeiro Mirim e 50 adultos que farão parte do projeto Melhor Idade, integrando a comunidade por intermédio desses projetos sociais. 

Na cerimônia de inauguração, também estavam presentes o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Fernando Sérgio; o secretário da Defesa Civil do Amazonas, coronel Fernando Pires Júnior; e o prefeito de Iranduba Xinaique Medeiros. 

melo-unidade-protecao-meio-ambiente-4Atuação dos órgãos – As ações do Corpo de Bombeiros na Unidade de Proteção Civil e Meio Ambiente contemplam combate a incêndio urbano, residencial e em veículo, bem como a incêndio em vegetação/florestal. Eles atuarão, ainda, no salvamento aquático, mergulho, atendimento pré-hospitalar, prevenção em eventos, busca na selva, resgate aero-médico, resgate de animal, salvamento terrestre e em altura. As ações contam com equipes especializadas, a exemplo das equipes e de resgate em ambiente colapsados. 

A Defesa Civil do Estado atuará no planejamento, promoção, articulação e execução da defesa permanente contra os desastres naturais, atuando no monitoramento, cadastramento, ajuda humanitária e reconstrução de áreas atingidas. Na área de Proteção ao Meio Ambiente, a Unidade permitirá a articulação e cooperação com órgãos ambientais municipais, estaduais, nacionais e internacionais visando à preservação efetiva das áreas verdes através da atuação direta de equipes especializadas em combate a incêndio florestal. 

melo-unidade-protecao-meio-ambiente-5Projetos sociais – Visando uma maior participação da sociedade e a conscientização da população, na área social, três projetos serão inicialmente desenvolvidos pelas Unidades de Proteção. Entre eles está a Cinoterapia, que é uma abordagem terapêutica onde cães atuam como instrumentos reforçadores, estimuladores e reabilitadores globais do indivíduo abordado, principalmente para o tratamento de crianças com necessidades especiais. 

Outro projeto social é o Bombeiro-Mirim, que visa desenvolver nas crianças e adolescentes a percepção de riscos agregando valores de uma cultura prevencionista, proporcionando mudanças comportamentais, tornando-os multiplicadores de informações junto às suas famílias e comunidades. O terceiro é o Projeto Melhor Idade, que visa promover o bem estar e melhor qualidade de vida aos idosos através de atividades físicas, lúdicas e culturais. 

A meta do Governo do Amazonas é implantar gradativamente unidades, no modelo da que está sendo inaugurada no Cacau Pirêra, no interior do Estado. Com a Unidade em Iranduba, o projeto inicia sua fase de implantação, com planejamento para ter três fases de expansão.

Roberto Brasil