ILUSTRES ITACOATIARENSES NA CÂMARA MUNICIPAL DE MANAUS

By -

Nessa sexta-feira (12), pela manhã, a Câmara Municipal de Manaus, abriu suas portas para homenagear Itacoatiarenses, que moram em Manaus. Figuras importantes, vultosas, que de certa forma, contribuíram, ou, ainda, contribuem, para que a cidade de Itacoatiara tenha sua importância, em todos os segmentos, no estado do Amazonas. São Itacoatirenses, que apesar de morar em Manaus, não perderam sua identidade, não desprezaram a sua querida “Pedra Pintada”, trazendo cravado no peito o amor por essa Velha Serpa de tantas glórias.

A vereadora Therezinha Ruiz, presidente da Comissão de Educação, foi a autora da propositura, desse projeto, elevando com muito carinho e respeito, a atitude desses Iacoatiarenses, que de orgulho, não esquecem sua Velha Serpa, e fazem tudo por esse pedaço de chão, refletido, sobre as águas do Maior Rio do mundo.

A Velha Serpa, como carinhosamente é chamada pelos seus filhos, está localizada na região Metropolitana de Manaus, e, é, a terceira cidade mais populosa do estado de acordo com a estimativa de IBGE, em 2016, considerada o maior Pólo agropecuário da Região Norte do País.

Itacoatiara, também, é conhecida pelo nome de Pedra Pintada, devido a uma escrita pintada em uma pedra, na área urbana da cidade.

A autora da propositura, vereadora Therezinha Ruiz falou da importância das homenagens. “Em primeiro lugar, pelo reconhecimento e a valorização de pessoas que tem uma vida voltada ao Estado do Amazonas”, e ressalta, “a valorizar uma terra que tem a sua importância pra região, pela sua condição geográfica’. “A gente valoriza culturalmente, politicamente, essas pessoas, porque mesmo elas não estando, mais, morando em sua terra, elevam sempre o nome de Itacoatiara com todos seus valores”. A vereadora, fala de reconhecimento. “Se a gente não conhecer, como vamos divulgar, portanto, eu achei importante relembrar isso, e destacar todas essas pessoas, que estão em Manaus contribuindo pro nosso estado, mas que, não se afastam do seus valores, “afirmou.

O homenageado, Francisco Gomes, acadêmico, e historiador, também falou da importância do ato. “É um momento histórico e de reconhecimento, a professora Therezinha Ruiz foi iluminada pelo seu gesto de homenagear os Itacoatiarenses, porquê ela resgata uma história de união entre Itacoatiara e Manaus, as duas comunidades sempre andaram um século e meio, unidas para libertar o amazonas do julgo do Pará, e hoje, nessa homenagem singela, mas de alto significado histórico, esse reencontro é reafirmado através da homenagem de algumas personalidades de Itacoatiara, que vieram aqui fazer esse gesto de congraçamento, agradecendo a Vereadora Therezinha Ruiz e a Câmara Municipal de Manaus”.

Agradecido pelo ato da vereadora, o trabalhador portuário, Fernando Nelson, mas conhecido em Itacoatiara, como Jerry, e apaixonado pela sua Velha Serpa, quando soube das homenagens, aos ilustres Itacoatiarenses, pegou uma carona, na garupa de uma moto, na noite de segunda-feira, e se mandou pra Manaus, só pra não perder um momento, se quer, das homenagens à seus conterrâneos. “Itacoatiara, sempre contribuiu com o Estado do Amazonas, de todas as formas, de todas as maneiras, principalmente, com esses cidadãos, que representam pra nós, um grande orgulho, eles representam na capital aquilo que Itacoatiara tem de melhor, berço de filhos ilustres, e essas pessoas contribuem juntos, com, nós, Itacoatiarenses, para que o Amazonas esteja naquele lugar, que a gente imagina, lá no alto mesmo.

O Cantor Natinho (Raimundo Nonato Pacheco Gusmão) também recebeu sua homenagem, por tudo que tem feito, no cenário musical Amazonense em nome de Itacoatiara, ele falou com muita emoção sobre o momento e ressaltou a singularidade do momento. “É um momento singular, e pra mim, como homenageado, me sinto muito feliz, muito honrado, em receber essa homenagem, é evidente que em todos os lugares, por onde a gente anda, em todos os palcos da vida, a gente tem procurado enaltecer a nossa cidade, o carinho que temos para com o nosso povo. Com essa homenagem, a gente percebe que é possível sim, através do nosso trabalho, ou em qualquer atividade que a gente exerça, trabalhar com vontade com amor, com dignidade, para que realmente a gente possa representar bem o município. E eu dedico essa homenagem à todos os meus amigos, à todas as pessoas que acompanham o meu trabalho, e principalmente à todos os Itacoatiarenses.

Muitos Itacoatiarenses, residentes em Manaus, e convidados, estiveram presentes no evento, o plenário da Câmara estava lotado, e a cada nome chamado, os aplausos eram contundentes.

Mario Dantas