Ifam de Eirunepé entregue à própria sorte

By -
Um dos prédios foi cedido à iinstituição pela prefeitura de Eirunepé

Um dos prédios foi cedido à iinstituição pela prefeitura de Eirunepé

Da Redação – O professor do Instituto Federal de Educação, câmpus de Eirunepé, Alexandre Monteiro, enviou e-mail ao Blog da Floresta denunciando as péssimas condições de trabalho naquela instituição de ensino.

Segundo ele, atualmente o Instituto funciona em dois locais, sendo 3 salas cedidas pela UEA e outra numa escola municipal cedida pela prefeitura local. Na escola em que se encontra lotado não existe água tratada para beber, as paredes estão rachadas, alguns alunos, inclusive, já desmaiaram e precisaram de atendimento médico por causa do calor.

ifam-eirunepe-predio-cedido-prefeitura-2O professor Alexandre afirma também em sua denúncia não possuírem biblioteca, os alunos não recebem a bolsa de estudos a que têm direito, bem com é o único câmpus que não possui ônibus escolar.

Por outro lado, os processos seletivos para a entrada de novos discentes foram cancelados e correm o risco de fechar as portas por falta de alunos. “Por esses motivos expostos, aderimos à paralisação nacional da rede federal de ensino”, finaliza. (Roberto Brasil – Imagens: Ifam)

Roberto Brasil