Idosos participam do Arraial do amor à moda antiga

By -
Além das tradicionais danças e comidas juninas, foram realizados bingos

Além das tradicionais danças e comidas juninas, foram realizados bingos

Para festejar o Dia dos Namorados, comemorado em todo Brasil dia 12 de Junho, um arraial do amor à moda antiga foi realizado na noite desta sexta, 12, no Parque Municipal do Idoso. Aproximadamente 300 pessoas participaram do evento realizado pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh).

Além das tradicionais comidas juninas, foram realizados bingos resgatando uma antiga tradição dos arraiais e os casais apaixonados aproveitaram para homenagear os seus amados através do tradicional Correio do Amor. A animação do público ficou por conta do Dj Ery Castro e do cantor Roberto Rios e banda.

A gerente do Parque do Idoso, Bárbara Monteiro, explicou que este evento serviu como uma forma de integração entre os idosos e a sociedade. ”O envelhecimento é um processo natural do ser humano, e não uma doença.E com essa festa dedicado a eles, temos o objetivo de integrar o idoso, mostrando para todos que eles também podem ter um relacionamento amoroso saudável”, destacou.

arraial-idosos-02Para a Miss Parque do Idoso, Marlene Ruiz Kaiser, que mora há sete anos em Manaus e estava presente junto com seu marido, eventos como esses dedicados aos idosos é muito importante porque faz bem para a saúde e é uma forma de fazer novas amizades. ”Venho diariamente ao Parque do Idoso, e faço questão de participar de toda a programação por que sei que sempre é feito com muito carinho e dedicação”, ressaltou.

O arraial também foi prestigiado pelos solteiros que buscavam encontrar sua alma gêmea ou apenas uma diversão como foi o caso da viúva Rosimeire Galate, que aproveitou para se divertir bastante e colocar os passos da dança em dia. “Estou amando a festa, eu amo dançar, já dancei muito hoje aqui”, disse.

O parque está localizado na rua Rio Mar, Nossa Senhora das Graças, zona Centro-Sul de Manaus.

Roberto Brasil