Idosa é baleada durante fuga de assaltantes na Grande Circular

By -

Assaltantes se passaram por clientes e renderam os funcionários (Fotos: Reprodução)

Um trio de assaltantes se passou por clientes, rendeu funcionários e saqueou o dinheiro de todos os caixas da loja Bemol, na Avenida Autaz Mirim, no Bairro São José, na zona leste de Manaus, na manhã desta quarta-feira (2). A quantia roubada pelos assaltantes ainda não foi divulgada pela empresa.  Maria Natividade do Nascimento, 60, foi baleada no peito durante a fuga dos bandidos.

Conforme uma promotora de vendas da operadora Claro, que pediu para não ter o nome divulgado, os três entraram na loja, um ficou na entrada e os outros dois ficaram na fila do caixa.

“Quando chegou a vez dele ele anunciou o assalto, entrou no caixa, enquanto o segundo apontava a arma para a caixa, mandando ela ir para o chão”, disse a promotora.

Um dos assaltantes estava com uma mochila, onde colocou todo o dinheiro saqueado dos caixas da loja.

Os três fugiram a pé, por cerca de cem metros, segundo informou o vendedor ambulante Abílio dos Santos, 48, até subirem em duas motos para fugir.

A idosa estava sentada quando foi atingida

“Quando começaram a correr atrás deles um atirou para afastar o pessoal. E acabou pegando numa senhora que estava sentada no banco. Foi desesperador. Aí lá na frente eles subiram em duas motos e fugiram”, disse o vendedor.

A vítima, segundo policiais da 9ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foi removida para o Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio.

Duas motos, de modelo Honda Bros placa OAE 5969 e Honda CG de placa OAI 4339 foram apreendidas pela Cicom, após denúncias anônimas, uma pessoa que guardava as motos foi detida para esclarecimentos, mas não teve o nome divulgado.

Imagens do circuito de segurança da loja, disponibilizadas pela Polícia Militar (PM), mostram dois dos assaltantes que entraram na loja. Segundo a 9ª Cicom, a pessoa detida está sendo apontada como pai de um dos envolvidos no assalto.

A loja chegou a ficar fechada por alguns momentos, após o assalto. A gerente da unidade da Bemol informou apenas que o montante roubado ainda não foi confirmado e a empresa aguarda auditoria do Grupo Bemol para calcular o prejuízo.

D24AM

Roberto Brasil