Ibama multa cantor amazonense Prince do Boi em R$ 35 mil

By -
O cantor terá 20 dias para para pagar a multa ou apresentar defesa

O cantor terá 20 dias para para pagar a multa ou apresentar defesa

Ibama multa em R$ 35.500,00 o cantor amazonense Prince do Boi, após postar, em diversas redes sociais, fotos de animais silvestres com legendas fazendo apologia ao consumo. A lista de animais que compõe o auto de infração é extensa: três tartarugas, cinco mucuras, uma paca, uma cutia, um jacaré, dois macacos, um papagaio, duas cobras e uma anta.

Postagens com indicativos de consumo, uso, cativeiro e matança de animais silvestres são monitoradas pelo Ibama. A pena prevista, conforme Lei Federal nº 9.605/1998 (Lei de crimes ambientais), é detenção de seis meses a um ano e multa, que varia de R$ 500 a R$ 5.000,00 por espécime, no caso de constar em lista oficial de fauna ameaçada de extinção (ou da Convenção sobre o Comércio Internacional de Espécies da Flora e Fauna Selvagens em Perigo de Extinção – CITES), conforme artigo 24 do Decreto Federal nº 6.514/2008. O autuado terá 20 dias para para pagar a multa ou apresentar defesa.

ibama-prince-do-boi-colagem-2“Postagens como esta tem sido apuradas e seus autores punidos exemplarmente pelo Ibama para conscientizar e dissuadir as pessoas que pensam ser aceitável consumir animais silvestres e publicar esse tipo de crime ambiental em redes sociais.”, comenta Mário Lúcio da Silva Reis, superintendente do Ibama do Amazonas.

O crime também será denunciado ao Ministerio Público Estadual para apuração no âmbito criminal.

Roberto Brasil