Homem-bomba causa morte da própria mãe ao se explodir no Líbano

By -
Fotos de Mohammad Hamza, suspeito que se explodiu no Líbano

Foto de Mohammad Hamza, suspeito que se explodiu no Líbano

Um extremista procurado causou a morte de sua própria mãe e de outra mulher de sua família ao se explodir, no norte do Líbano, quando estava prestes a ser detido pelas forças de segurança.

Sete soldados também ficaram feridos durante a operação, ocorrida neste sábado (5), na cidade de Deir Ammar, no norte do país.

O homem, identificado como Mohammad Hamza, jogou granadas contra os militares antes de detonar seu colete suicida, matando a si próprio, sua mãe e uma outra mulher, a qual seria sua mulher ou sua sobrinha.

As forças de segurança libanesas intensificaram suas operações de busca a suspeitos após o duplo atentado de 12 de novembro em um bairro do sul da capital, Beirute, considerado reduto da milícia xiita Hezbollah.

Os atentados suicidas, reivindicados pela facção terrorista Estado Islâmico (EI), causaram 44 mortes e deixaram mais de 200 feridos.

Segundo as Forças Armadas, Hamza era procurado por diversos crimes, incluindo atirar em um militar libanês em 2014.

A situação de segurança no Líbano sofreu considerável piora desde o início do conflito na Síria, em março de 2011, sobretudo no norte e no nordeste do país. AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS

Roberto Brasil