Hissa sugere ao ministro Helder Barbalho a criação do polo de pesca esportiva profissional no AM

By -
Min. Helder Barbalho | Dep. Hissa Abrahão

Min. Helder Barbalho | Dep. Hissa Abrahão

O deputado federal Hissa Abrahão (PPS-AM) sugeriu ao ministro de Pesca e Aquicultura, Helder Barbalho, a criação de um polo de pesca esportiva profissional no Amazonas, durante encontro realizado no fim da tarde da última quinta-feira, no Congresso Nacional, em Brasília (DF).

Hissa informou que cobrou do ministro investimento por parte do governo federal no setor, para que seja mais uma alternativa de arrecadação no Estado. O parlamentar ressaltou que os EUA chegam a faturar aproximadamente 40 bilhões de dólares com a pesca esportiva durante uma temporada. “Por que não pudemos ser um polo profissional de atração turística e esportiva a exemplo do que ocorre nos EUA? Estamos na Amazônia que é cobiçada pelo mundo, e o Amazonas é o maior Estado do país com uma fauna e flora ricas. Então, nada melhor que pedir apoio do governo federal para criar um polo definitivo no Estado”, comentou.

O deputado federal ressaltou que com a criação de um polo oficial, o ribeirinho vai sair ganhando bem como empresários da rede hoteleira, pesca esportiva, gastronomia, entre outros. “Aumenta a economia da cidade e a arrecadação do Estado. Precisamos incentivar a pesca esportiva como alternativa de renda ao povo amazonense”, frisou. O vice-líder do PPS na Câmara Federal, Hissa Abrahão, destacou que convidou o ministro Helder Barbalho para visitar o Amazonas para tratar especificamente da implantação do polo.

PESCA ESPORTIVA

Atualmente algumas empresas de turismo promovem anualmente temporadas de pescas esportivas no Estado. Municípios como Barcelos, Presidente Figueiredo, Novo Airão, recebem vários amantes da pescaria. A procura pelo peixe tucunaré é a predileta dos pescadores.

Roberto Brasil