Governo do Amazonas reafirma compromisso com comunidade japonesa

By -
O secretário-chefe da Casa Civil do Governo do Estado, Sidney Leite, representou o governador Amazonino Mendes, durante a comemoração dos 84 anos do imperador do Japão, Akihito, realizada na noite de terça-feira (05/12), no Hotel Intercity Premium Manaus, no bairro Adrianópolis, na zona centro-sul da capital. O evento é uma das várias atividades desenvolvidas pelo consulado japonês para celebrar o aniversário do imperador, nascido no dia 23 de dezembro de 1933.

No evento, estiveram presentes, além da comunidade nipônica, empresários e autoridades amazonenses e de países vizinhos. Na ocasião, Sidney Leite reafirmou o compromisso do governador Amazonino Mendes com a comunidade japonesa e destacou as parcerias econômicas e culturais entre o Amazonas e o Japão.
“No Amazonas, nesta noite, a merecida homenagem ao imperador do Japão é mais uma oportunidade para estreitarmos a profícua relação existente com a comunidade japonesa, que muito tem contribuído para o desenvolvimento do Estado. Contribuição que vai além do aspecto econômico, traduzido nos diversos investimentos no Polo Industrial de Manaus (PIM), que geram emprego e renda na região. É uma honra representar o governador do Amazonas, Amazonino Mendes, nesta importante celebração”, declarou o secretário-chefe da Casa Civil na solenidade.
Sidney Leite ressaltou ainda o apoio que o Governo do Estado dará durante as comemorações de 90 anos da imigração dos japoneses em solo amazonense. “Quero aqui reforçar o compromisso do governador Amazonino Mendes, assumido durante visita do cônsul geral do Japão, Shuji Goto, de que o Amazonas dará sua parcela de contribuição para realização de uma grande programação para marcar os 90 anos de imigração japonesa no Amazonas. Vamos fazer uma celebração que possa coroar o êxito que essa parceria tem experimentado ao longo de décadas”, enfatizou.
Para o cônsul geral do Japão em Manaus, Shuji Goto, a parceria entre a comunidade nipônica e o estado do Amazonas será mantida. “Espero que as relações entre a região da Amazônia Ocidental e o Japão se intensifiquem ainda mais”, frisou o cônsul geral.
No PIM, se encontram cerca de 40 empresas japonesas, dentre elas a Moto Honda da Amazônia. Sidney Leite frisou que as fábricas japonesas atuam no desenvolvimento da atividade industrial e na geração de empregos do Amazonas.
Roberto Brasil