Governador em exercício, Henrique Oliveira, reúne-se com embaixador alemão

By -

O governador do Amazonas em exercício, Henrique Oliveira, recebeu, na tarde desta quinta-feira, 8 de março, na sede do Governo do Amazonas, na Compensa, zona oeste de Manaus, a visita do novo embaixador da Alemanha no Brasil, Georg Witschel, que assumiu o cargo há seis meses. A pauta da reunião foi o potencial econômico do Estado, tendo como temas de discussão a Matriz Econômica Ambiental, o desenvolvimento do Pólo Industrial e a volta de seu crescimento, as ações para preservar a floresta, a manutenção da segurança nas fronteiras, o apoio às comunidades indígenas e as relações internacionais.

Henrique Oliveira explicou que o encontro faz parte de uma estratégia do Governo do Amazonas para estreitar seu relacionamento com outros países e aumentar investimentos no Estado. Na ocasião, o governador em exercício fez questão de apresentar os avanços do Estado, principalmente nos setores de Economia, Meio Ambiente e Segurança. “O governador José Melo vem incentivando cada vez mais essas relações com os países com grande potencial de investimento. Para isso, reuniões como estas, com representantes de um país como a Alemanha, que já possui algumas empresas aqui, são essenciais”, afirmou.

Também participaram do encontro os secretários de Estado de Segurança, Sérgio Fontes, da Fazenda, Jorge Jatahy, de Meio Ambiente, Ademir Stroski, a presidente da Agencia Amazonense de Desenvolvimento Econômico e Social (Aades), Márcia Hilário, o presidente da Fundação Estadual do Indio (FEI), Raimundo Sobrinho, e o secretário executivo adjunto de Políticas Internacionais, Farid Mendonça Junior.

Acompanhado por sua comitiva, que incluiu a embaixatriz da Alemanha, Sabine Witschel, o embaixador alemão está no Amazonas para conhecer as potencialidades da região. De acordo com ele, o Estado é extremamente atraente para seus investidores graças aos modelos de incentivo da Zona Franca de Manaus e as novas propostas de preservação que o Amazonas desenvolve. “A BMW é um exemplo de que essas empresas podem sim prosperar aqui no Estado. Além disso, o cuidado com o meio ambiente fomentado aqui é outro fator que contribui para o aumento do nosso interesse, uma vez que essa é uma preocupação global”, disse o embaixador.

Roberto Brasil