Goleira mais famosa do mundo, Hope Solo denuncia assédio de Blatter

By -

O fato teria ocorrido pouco antes dela subir ao palco na entrega da Bola de Ouro há uns anos, em janeiro de 2013 (Foto: Reuters)

Nas últimas semanas, inúmeros casos de personalidades que já sofreram abuso vieram à tona. A maioria deles em Hollywood. No futebol feminino parece que não é diferente. Em entrevista ao jornal português Expresso, a goleira Hope Solo declarou que Sepp Blatter, ex-presidente da FIFA, pegou em sua bunda.

O fato teria ocorrido pouco antes dela subir ao palco na entrega da Bola de Ouro há uns anos, em janeiro de 2013, quando entregou o prêmio para a Melhor jogadora do Mundo à colega Abby Wambach.

Solo, de 36 anos, atualmente joga pelo Seattle Reign FC da Liga Nacional de Futebol Feminina dos Estados Unidos. Já Blatter, por meio de seu porta-voz, respondeu a essa acusação por Solo, negou o incidente e chamou a acusação de “ridícula”.

Ainda em entrevista ao Expresso, Solo fez questão de desabafar e alertar outras mulheres. “Estou muito desapontada com as mulheres que não falaram sobre isto no mundo do esporte. Sim, todo mundo tem o direito às suas decisões pessoais, e, sim, é desconfortável, mas gostava que mais mulheres, sobretudo no futebol, falassem das suas experiências, porque algumas dessas pessoas ainda trabalham no futebol e algumas das jogadoras ainda têm esses comportamentos”, declarou.

Sobre não ter falado sobre o ocorrido antes, Solo explicou que foi apenas falta de oportunidade. “Falo sempre diretamente com as pessoas envolvidas quando estas coisas acontecem. Por exemplo, já tive de dizer a companheiras minhas: Não me toquem! Não o façam!

“Já aconteceu nos chuveiros, nos vestiário. No caso de Blatter, estava nervosa antes da apresentação. Estava apresentando a Bola de Ouro. Depois disso não voltei a vê-lo. Não tive oportunidade de confrontá-lo e dizer-lhe: Não volte a me tocar!” / Fonte: Notícias ao Minuto

Roberto Brasil