Forças de Segurança do Estado refinam preparação para atuar nos Jogos Olímpicos 2016

By -
Parte do simulado foi com material suspeito de conter artefato explosivo deixado próximo da Arena da Amazônia

Parte do simulado foi com material suspeito de conter artefato explosivo deixado próximo da Arena da Amazônia

O simulado realizado pelos órgãos de Segurança Pública e Forças Armadas, neste domingo (17), mostrou a habilidade das tropas especiais da Polícia Militar do Amazonas, dentre elas: a Companhia de Operações Especiais (COE) com os atiradores de elite (Snipers), Grupamento Marte, Rocam e Batalhão de Choque. O evento serviu para aprimorar os protocolos previstos no Plano Tático Integrado para a Segurança dos Jogos Olímpicos 2016, em Manaus.

Atuando de forma integrada com os demais órgãos de Segurança (Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Exército, Departamento de Perícia Técnico-Científica), os policiais vivenciaram situações consideradas de alto risco: atentado com reféns e suspeita de artefato explosivo nas proximidades da Arena da Amazônia, na Avenida Constantino Nery, zona Centro-Sul.

simulado-segurança-rio2016-sergio-fontesDe acordo com o secretário de Segurança, Sérgio Fontes, o simulado foi realizado dentro dos parâmetros estabelecidos do Plano Tático Integrado para os Jogos Olímpicos em Manaus. “Os treinamentos são importantes para avaliarmos o que podemos otimizar de recursos para garantir com eficiência a segurança do evento e da cidade”, informou. 

Roberto Brasil