Fiscalização da Marinha impede que embarcação irregular participe de procissão fluvial

By -

Sao-pedro-Procissao-FluvialA Marinha do Brasil, por intermédio do Comando do 9º Distrito Naval (Com9°DN), comunica que devido ao descumprimento às Normas da Autoridade Marítima, por parte da Coordenação da Procissão Fluvial de São Pedro, a Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental (CFAOC) não autorizou a saída da Balsa e Empurrador previstos para o evento, ocorrido na tarde desta quarta-feira, 29 de junho.

Em reunião realizada, no dia 28 de junho, representantes da CFAOC orientaram os organizadores do evento, quanto à obrigatoriedade de apresentar a certificação para transporte de pessoas na balsa; dotar a embarcação de coletes salva-vidas para todos os passageiros; e condutor habilitado para conduzir o comboio.

No dia da procissão, a equipe de Inspeção Naval da CFAOC constatou que as orientações não foram atendidas. Portanto, em prol da segurança da navegação e, principalmente, pela salvaguarda da vida dos fiéis, não foi autorizada a saída da Balsa e Empurrador previstos para o evento.

Roberto Brasil