Falta de Reconhecimento: Júnior Paulain deixa de ser item no Caprichoso

By -
Júnior Paulain

Júnior Paulain

O cantor Júnior Paulain há dez anos exercendo a função de apresentador e um ano amo do Boi Bumbá Caprichoso anunciou nesta quinta-feira 2/7 a intenção de deixar o item 01 do Azul e Branco. A assessoria do presidente Joilto Azedo diz não haver recebido comunicado oficial, mas nas redes sociais WhatsApp o próprio Júnior Paulain explica os motivos.

Um deles a falta de valorização do trabalho executado no Azul e Branco e ainda para não atrapalhar o sentimento da galera. “Eu de fato estou muito machucado. Existiram algumas situações de injustiça e falta de reconhecimento do apresentador. Fui confrontado. Houve de fato muita tristeza da minha parte, pois esperava muito ser valorizado, mas de fato a nação Azul e Branca ainda vê o Júnior Paulain como um problema, mesmo depois de tudo que eu fiz nesses dois meses para ajudar a ganhar o Festival. Só deixo o meu lamento e sem dúvida os meus votos de muita força ao Boi Bumbá Caprichoso. Estou sempre aqui para ajudar mesmo não sendo item. Vamos em frente minha turma amar o Caprichoso”, diz Júnior no áudio.

Ele reafirmou haver refletido muito e relevou haver sofrido problema de sinusite, problema nas vias respiratórias que afeta a garganta.

Disputa com Arlindo Júnior e Edmundo Oran

O ano de 2015 foi vitorioso na arena para Júnior Paulain que após anos tirando notas mais baixa de Israel Paulain deu uma “lavagem” de quase um ponto no apresentador do Vermelho. No entanto, fora da arena Júnior sofreu muitas batalhas. Primeiro junto ao grupo de Arlindo Júnior, que foi limado de ser apresentador na gestão Carmona Oliveira, conseguiu ser vereador em Manaus e voltar em 2014 ao posto de apresentador ano passado, na gestão Joilto Azedo e Rossy Amoêdo. Arlindo teve desempenho tão pífio na arena que a galera pediu a saída. Júnior foi rebaixado ao cargo de Amo do Boi nesse período.

No começo desse ano Júnior Paulain, dizem nos bastidores, fez mobilização através da galera azulada para retornar ao posto de número 01. Com Arlindo Júnior fragilizado, Paulain conseguiu vencer a “briga”. No entanto, um grupo capitaneado pelo radialista Gil Gonçalves trabalhou para colocar Edmundo Oran na função de apresentador. Após disputas internas, Júnior retornou ao posto e Edmundo virou Amo do Boi. Oran perdeu para Tony Medeiros, Amo do Garantido, mas está em alta junto à cúpula do Caprichoso.

No ensaio técnico do Azul e Branco no Bumbódromo dia 22, Júnior Paulain chegou atrasado. O vice-presidente Rossy Amoêdo estava tão furioso que pediu ao jovem Ornelo Reis, do Touro Preto de Barreirinha, para apresentar. Ele pode ser o substituto de Oran, que passaria a ser o apresentador. (Hudson Lima)

Roberto Brasil