Falta de investimentos prejudica turismo no AM

By -

image

A falta de investimento no turismo nos municípios do Amazonas é um dos principais entraves para o desenvolvimento do setor no Estado. O assunto foi debatido durante o “Seminário Novos Desafios do Turismo no Amazonas”, realizado nesta sexta-feira (13), no auditório Senador João Bosco da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), que reuniu secretários de turismo, universitários e profissionais da área.

image(1)

De acordo com o secretário municipal de Turismo da Prefeitura de Tefé, Christophan Mota, uma das estratégias no município tem sido a capacitação da própria população para atuar no setor. “Infelizmente, os recursos são escassos, então temos que explorar todas as potencialidades que o nosso município tem e capacitar os próprios moradores para receber bem os turistas”, disse Mota.

image(2)

Para o presidente da Comissão de Turismo e Empreendedorismo da Aleam, deputado estadual Francisco Souza (PTN), o seminário busca incentivar que os municípios busquem estratégias diferenciadas para movimentar o setor, mesmo com o momento de crise econômica que afeta o País e o Amazonas. “Sabemos que sempre foi carente de investimentos, e agora o cenário piorou.  Mas temos a visão que os municípios podem driblar essa crise, e atrair os turistas domésticos, ou seja, criando atrativos regionais que chamem atenção dos turistas aqui de Manaus”, disse o deputado.

Ele destacou que esse cenário foi percebido pela Comissão, durante visitas técnicas. “As famílias agora preferem não viajar para fora do Estado em períodos de feriados prolongados, o que era muito comum, nesse sentindo, os municípios do interior se tornam uma grande opção”, disse.

Participando do seminário, o secretário municipal da Prefeitura de Iranduba, Luiz Margarido, afirmou que o município tem grande expectativa de movimentar o setor com a passagem da tocha olímpica agora em junho. “O evento vai trazer mais visibilidade para Iranduba e municípios vizinhos, e consequentemente, conquistar novos turistas”, afirmou.

Mario Dantas