Faixa Liberada no Viver Melhor reúne mais de 800 pessoas

By -

faixa-liberada-viver-melhor-6Foi um sucesso a realização da primeira Faixa Liberada na Avenida da Conquista, no Conjunto Viver Melhor 1ª. Etapa, na Torquato Tapajós, pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel).Mais de 800 pessoas, entre adultos, jovens e crianças participaram das atividades esportivas como basquete e vôlei de rua, futebol, jiu-jitsu, ping-pong, até as tradicionais perna-de-pau e amarelinha,dama e xadrez. Houve grande participação também nas aulas de dança aeróbica com os professores Josiane Vaz e Luiz Oliveira.

Para o secretário Sildomar Abtibol,  o prefeito Arthur Neto teve uma grande visão ao pedir a ampliação do Projeto Faixa Liberada para novas áreas como aquela onde vivem mais de 55 mil pessoas e inexistem ofertas de atividades de esporte e lazer para um grande número de pessoas, além das crianças.

faixa-liberada-viver-melhor-1“A Prefeitura de Manaus, nesta gestão, vai às comunidades dando oportunidade para as pessoas terem mais saúde e mais alegria”, disse Sildomar.

A pedagoga Adriana Mar, 28, observava a filha Gabriela, de 6 anos, brincar com as outras enquanto segurava nas mãos o pequeno Felipe Gabriel, de sete meses. A menina seguia encantada com as brincadeiras do Palhaço Maravilha, Isaías Luiz, 45, morador do conjunto que se fantasiou para participar, voluntariamente, da atividade. “Isso é muito importante numa área como a nossa, que ainda está carente”, afirmou ele, que reuniu mais de 20 crianças em brincadeiras e palhaçadas.

faixa-liberada-viver-melhor-2Outras que aplaudiram a Faixa Liberada no Viver Melhor foram Maria Elizete Castilho Falcão, 57, que estava com a filha, Darlene Mendes, 35, e a neta Noemi, um ano. “Está tudo muito bom, precisávamos disso”, afirmou Elizete, que já mora há dois anos ali. O casal José Carlos do Nascimento Souza, eletricista, e Lacy Rodrigues da Silva também elogiou a realização da Faixa Liberada no Viver Melhor. “Temos muitos moradores aqui e precisamos desse tipo de atividade que traz alegria, diversão e reúne as pessoas de bem”, afirmou José Carlos.

Os cadeirantes Celeste Dias de Oliveira, 32, e Rubens Cassoti, moradores do Conjunto construído pelo Governo Federal com  a infraestrutura para o acesso e deslocamento deles, também elogiou a iniciativa. “Somos carentes desse tipo de atividade e aqui moram milhares de pessoas”, disse Rubens, mais conhecido como Rubão. O secretário Sildomar informou que na próxima sexta-feira levará professores que praticam esporte como basquete para cadeirantes e assim incluirá pessoas com necessidades especiais nas atividades esportivas.

faixa-liberada-viver-melhor-5Para o grande apresentador de programa esportivo, jornalista Arnaldo Santos, finalmente está sendo respeitado o ser humano no seu direito de ter no local onde mora atividades esportivas e de lazer que farão bem não só no presente, mas no futuro da comunidade.

O estudante Maycon Silva Rocha, 12, que já é faixa verde no Jiu-jitsu recebeu algumas orientações do professor Orley Lobato, da academia com o mesmo nome. “Gostei muito das aulas e de tudo aqui, quero que venha todas as semanas”, disse ele.

faixa-liberada-viver-melhor-3O secretário Sildomar Abtibol garantiu que a Prefeitura de Manaus vai levar todas as sextas-feiras os equipamentos necessários para a realiza;áo da Faixa Liberada no Viver Melhor, como pediu o estudante Maycon e os demais moradores. “Esse é o compromisso do prefeito Arthur Neto, por saber que mais do que atividades física, estamos promovendo saúde e bem estar na nossa população”, afirmou.

Neste sábado, o Projeto Faixa Liberada vai para a Zona Sul, na Cachoeirinha, próximo ao Colégio GM, no domingo pela manhã vai ao São José, próximo ao Centro Social Zezinho e à tarde, na Avenida Itaúba, bairro Jorge Teixeira.

Roberto Brasil