Exposições para todos os gostos nos centros culturais

By -

Exposiç_o Museu do Homem do NorteMais de oito exposições estão em cartaz nos centros culturais do Estado, realização do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado da Cultura, e que movimentam a cena cultura nos dias e, principalmente, nos finais de semana na capital. São bonecos vindos do Japão, fantasias de Carnaval e até artes rupestres.

A exposição “Bonecos do Japão”, por exemplo, iniciou no último dia 7 de maio, e é uma das opções de lazer. Realizada em comemoração aos 120 anos da assinatura do Tratado de Amizade, Comércio e Navegação Brasil-Japão, ela retrata a cultura e o estilo de vida do Oriente e é composta ao todo por 70 bonecos que estão expostos no Centro Cultural Palácio da Justiça e ficarão em cartaz até amanha, terça-feira, 26. Mais de 2 mil pessoas já passaram pela a mostra, que é dividida em 12 categorias apresentando um panorama da produção japonesa na atualidade.

Exposiç_o Odisséia no EspaçoQuem passar pelo Centro Cultural Palácio da Justiça pode conferir ainda as exposições “Uma Odisseia no asfalto”, de Ednelza Sahdo, que expõe mais de 14 fantasias utilizadas por ela na época em que era Porta-Bandeira da Escola de Samba de Aparecida. Já a exposição “Do mato nascem às coisas” são obras da artista Priscila Pinto, que traz 26 peças divididas em três séries com técnicas diferentes: Mato-cor em arte digital, criaturas e objetos de madeira e os luminosos painéis em técnica, que expressam a natureza em estado sintético-high-tech.

Aos amantes do cinema e da fotografia, o Palacete Provincial é o lugar certo pra se visitar. Em cartaz com a exposição “Máquinas do tempo” o espaço reúne mais de 42 máquinas fotográficas antigas e ainda mostra a história do grande cineasta Silvino Santos, pioneiro do cine-documentário no Amazonas com mais de oito filmes realizados.

Arte RupestreAinda na área cinematográfica, o espaço traz a história do Cine Guarany, que era Localizado na Rua Floriano Peixoto e foi demolido, transformando-se em escombros e, atualmente, sendo ocupado pelo Banco Itaú. As exposições são cedidas pelo Museu da Imagem e do Som do Amazonas (MISAM) e ficam permanentemente expostas no Palacete Provincial.

Para complementar as exposições fotográficas o Centro Cultural Usina Chaminé, expõem 25 imagens da obra “Infância Amazônica” do fotógrafo Daniere Ferreira.

Bonecos do Jap_oAinda está em cartaz no Centro Cultural Palácio Rio Negro, a exposição “Folhagem Camufla Bicho”, de Eli Bacelar, que é composta por 21 quadros disponíveis para a venda. Já no Centro Cultural Povos da Amazônia, o artista Turenko Beça traz a exposição “Bestiarii Venatio Animalia”, contendo 12 obras que retratam animais da fauna amazônica.

Para as pessoas que optam por um passeio pelo Parque Jéfferson Péres, podem conhecer a “Arte rupestre na Amazônia Continental”, contendo 18 peças que mostram as cenas cotidianas de homens e animais através de pinturas feitas em pedras.

Exposiç_o Máquinas d oTempoTodas as exposições são livres ao público, com entradas gratuitas.

Para mais informações sobre outras ações, projetos e atividades desenvolvidas pela Secretaria de Estado de Cultura, acesse facebook.com/culturadoamazonas e o Portal da Cultura www.cultura.am.gov.br.

Roberto Brasil