Estudantes da rede estadual promovem festival de música com foco na preservação do meio ambiente

By -
IMG_1022
Reconhecer a educação ambiental como parte integrante da formação dos estudantes tem sido um dos focos de ensino na Escola Estadual Leopoldo Neves, localizada no bairro Morro da Liberdade, zona sul de Manaus. Com ênfase na temática “O ser humano e o meio ambiente”, a unidade de ensino promoveu, na manhã desta quarta-feira (31), a segunda edição de seu Festival de Música.
IMG_0983
Além das apresentações de música, a programação contou com números de dança, declamação de poesias, além do desfile das rainhas, abrindo as atividades, seguido do desfile com roupas recicladas, uma das abordagens principais da temática. As apresentações foram protagonizadas por estudantes do Ensino Fundamental (6º ao 9º ano), matriculados na instituição de ensino administrada pela Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc).
 
Dentre as músicas interpretadas, cuja composição leva a assinatura dos próprios alunos, temas como “Preservação da água”; “Coleta seletiva”; “Transformando o lixo”; “Oxigênio inocente”; e “Nosso planeta é nosso tesouro”, serviram de inspiração para as canções apresentadas.
 
IMG_0980
Os alunos também apresentaram poemas autorais com a temática do evento, dentre os quais: “Sonho de criança”; “Poluição do rio”; “Transformando o lixo em arte”; “De olho no futuro”, entre outros.
 
A importância do projeto, segundo a coordenadora e gestora da escola, Maria Silva de Araújo, é sensibilizar os estudantes e a comunidade quanto à preservação do meio ambiente, que deve começar com ações individuais. “O projeto surgiu a partir da necessidade de sensibilizar os nossos estudantes, pais e comunitários quanto à importância de preservar o meio ambiente, por meio de atitudes que começam nas nossas casas, no nosso bairro e na nossa escola”, afirmou a gestora.
 
IMG_0999
Coordenando a temática “Transformando o lixo em arte”, a professora de história, Helen Juliana Marinho, afirmou que o projeto contou com a mobilização de todos os alunos, professores e comunitários dos bairros Santa Luzia, Morro da Liberdade, Betânia, São Lázaro, Cajual, Cachoeirinha, Colônia Oliveira Machado, Educandos e adjacências.
 
Premiação – Avaliados por uma comissão julgadora, os estudantes foram premiados pelo conjunto de atividades apresentadas. Criatividade, organização da equipe, torcida, afinação, harmonia, participação e compromisso foram utilizados como critérios de avaliação.
 
De acordo com a estudante do 7º ano da escola Leopoldo Neves, Jovana da Silva Catunda, 12, o objetivo principal do projeto é sensibilizar as pessoas a adotarem atitudes simples para conservar o meio em que vivem. “Qualquer tipo de lixo que normalmente seria descartado nas ruas, nos igarapés, pode ser reutilizado. São pequenas atitudes como essas que podem fazer a diferença e contribuir para a preservação do meio ambiente”, afirmou a estudante.

 

Áida Fernandes