Esportes paralímpicos no Dia do Desafio em Manaus

By -

dia-do-desafio-em-manaus-blogdafloresta 1Da Redação – No Dia do Desafio, a cidade de Manaus competiu com a cidade de Medellín, na Colômbia. Diversas atividades foram realizadas na Ponta Negra pelo Serviço Social do Comércio (SESC) em parceria com a Prefeitura e a Universidade Federal do Amazonas (Ufam). O destaque foi para os esportes paralímpicos onde as pessoas com deficiência participaram demonstrando suas habilidades no vôlei, futebol e dança.

O Prof. de Educação Física, Flavio Lima trabalha com as pessoas da terceira idade e disse “procuro passar atividades físicas para promover qualidade de vida, elas procuram não apenas o exercício mas também socializar e no Sesc encontram  brincadeiras, amizade, são muito animadas e positivas”.

dia-do-desafio-em-manaus-3“Procuramos a qualidade de vida a traves das atividades físicas, temos que estar alertas para como esta a nossa saúde, temos de ter uma boa alimentação, no Sesc oferecemos varias disciplinas esportivas que servem para liberar hormônios, você vê as pessoas que praticam esporte são mais felizes, sorridentes mais calmas e felizes, não necessitam de beber álcool para se sentir assim”, disse o educador físico, Frederick Lima Jezini.

Esportes paralímpicos 

O coordenador do Sesc em Manaus, Kilson Costa, que a entidade participa há 16 anos neste evento mundial e pretende que as pessoas pratiquem atividade física ao menos 15 minutos por dia. “Hoje temos atividades recreativas, ginástica, de luta, circuito na areia e os esportes paraolímpicos, em parceria com a Ufam, basquete em cadeira de rodas, vôlei sentado, futebol para pessoas com deficiência visual”, afirmou.

dia-do-desafio-em-manaus-2“Queremos mostrar que quando a pessoa sofre algum trauma, algum acidente, é possível continuar sendo um atleta, na cadeira de roda ou sentado, entre outros, existe sim uma qualidade de vida mesmo tendo uma deficiência física”, salientou o Coordenador do Sesc. Convidou a toda a população a praticar esporte no Sesc de Manaus, Parintins, Itacoatiara, Presidente Figueiredo, Coari, Manacapuru e Tefé.

A 22ª edição do Dia do Desafio apresentou atividades em diferentes pontos de Manaus: corrida, caminhada, hidroginástica, treinamento funcional, musculação, dança, aeróbica entre outras. Um dos objetivos foi de que 25%  da população no Brasil realize atividade física.

Origem

dia-do-desafio-em-manaus-8Criado no Canadá, nos anos 80, o Dia do Desafio tem a proposta de despertar o interesse pela prática de esportes e atividades físicas, por meio de uma competição amigável entre cidades.

O Dia do Desafio promove a prática de atividades físicas em benefício da saúde e bem-estar. O público de todas as idades se envolve em uma competição amigável entre os municípios do mesmo porte, participando de atividades variadas como caminhada, corrida, pedalada, dança ou atividades recreativas, para ver quem mobiliza a maior porcentagem de habitantes na luta contra a inatividade.

dia-do-desafio-em-manaus-4Em 2016, a ação recebeu mais três mil cidades inscritas, num total de 20 países. No Brasil, são 1.866 municípios, totalizando a adesão de 20 Estados. Ao redor da América Latina, países como México, Guatemala, Cuba e Venezuela também irão participar. Este ano, Pernambuco mobiliza o evento contando com 25 cidades do Estado enfrentando cidades do Brasil e outros países. A realização do evento é de responsabilidade das Prefeituras e as ações são desenvolvidas pelas Secretarias Municipais de Esporte, Educação e Saúde. (Mercedes Guzmán)

Roberto Brasil