Equipe de escolta da Tocha Olímpica conta com dois PMs do Amazonas

By -
Alberto dos Santos Henrique e Laércio Estumano da Silva pertencem a Companhia de Operações Especiais (COE)

Alberto dos Santos Henrique e Laércio Estumano da Silva pertencem a Companhia de Operações Especiais (COE)

O Brasil vive atualmente um intenso momento histórico com a expectativa da realização dos Jogos Olímpicos da era moderna no país e o Amazonas não poderia deixar de dar sua marca nesse momento. O Estado está representado no esquema de segurança do revezamento da Tocha Olímpica pelo país por dois policiais militares da Companhia de Operações Especiais (COE) da Polícia Militar do Amazonas. Trata-se dos sargentos PMs Alberto dos Santos Henrique e Laércio Estumano da Silva.

E a Chama Olímpica estará em Manaus dia 19 de junho, onde esses dois guerreiros da Polícia Militar do Amazonas também estarão na cidade realizando a escolta da passagem do símbolo olímpico, juntamente com a equipe da Força Nacional comandada pelo Tenente Coronel PMPE Cantareli e um efetivo de 74 homens que se revezam pelo Brasil inteiro.

Os policiais militares do Amazonas foram destacados para compor a equipe em Brasília desde dezembro de 2015 onde passaram por diversos treinamentos e testes de aptidão física. “Foi uma emoção passar nos testes apesar do ritmo puxado, porque poucos foram vitoriosos e graças a Deus eu o Estumano conseguimos”, afirmou o sargento Alberto.

escolta-tocha-olimpica-pms-am 02“Todos nós passaremos nas capitais dos nossos Estados e nós da PM do Amazonas teremos essa grata emoção de participar juntos desse momento com nossos irmãos amazonenses”, comemora o sargento Estumano.

No dia 19 de junho, o símbolo dos Jogos Olímpicos Rio 2016 desembarca em Manaus, onde pernoita depois de visitar os principais atrativos turísticos locais. No dia seguinte parte para Presidente Figueiredo e após segue para Iranduba, na região metropolitana da capital amazonense, de onde se despede dos amazonenses.

De acordo com os militares amazonenses, a passagem pelo Amazonas dá continuidade ao roteiro aéreo de 10 mil milhas do revezamento, que começa em Palmas (TO), no dia 11 de junho e termina em Porto Velho (RO) no dia 22. Em Manaus o roteiro da tocha seguirá por ícones do turismo local como o Teatro Amazonas e a Ponte Rio Negro. Como não poderia ficar de fora, a chama iluminará também a Arena da Amazônia, construído para a Copa do Mundo e que agora também será palco de partidas do futebol olímpico.

Roberto Brasil