Encontro reúne jovens lideranças do movimento LGBT

By -

02_LUIZ CASTRO

A Associação Orquídeas LGBT realizou nesta sexta-feira (29) no auditório João Bosco, da Assembleia Legislativa, o Primeiro Encontro de Jovens Lideranças, enfocando a discussão sobre política de saúde, educação, diversidade e gênero. Na abertura do evento o deputado Luiz Castro (REDE) recebeu uma homenagem em reconhecimento à sua atuação em defesa da dignidade da população LGBT e dos direitos das pessoas com DST/HIV/AIDS.

O presidente da entidade, Paulo Oliveira, destacou os projetos desenvolvidos ao longo dos 10 anos de atuação da Orquídeas junto ao público LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais), na área de educação e saúde. Ele defendeu o papel de protagonistas na luta por respeito e tolerância da sociedade com os homossexuais.

A falta de políticas públicas direcionadas ao público LGBT, foi o destaque na fala de Bruna La Close, ao afirmar que todos são cidadãos, mas seus direitos ainda não são respeitados. “Sofremos violência, discriminação e preconceito na escola, no trabalho, no atendimento de saúde”, desabafou. “Mas continuaremos lutando contra a falta de humanidade”, completou.

Autor da Lei nº 611/2016  que cria a Frente Parlamentar Mista de Enfrentamento e Defesa dos Direitos da Pessoa com DST/HIV/AIDS e Tuberculose, o deputado Luiz Castro reafirmou o compromisso de lutar pela melhoria do atendimento aos pacientes, na rede pública de saúde.

“Manaus é uma capital com elevado número de mortes de jovens infectados com HIV. Precisamos cobrar mais do Poder Público  ações preventivas e atendimento eficiente às pessoas com AIDS”, ressaltou o deputado.

Os jovens, segundo Castro, precisam saber que a AIDS continua matando e que não basta tomar o coquetel, porque os efeitos colaterais também são devastadores. “O uso dos medicamentos causa sequelas que comprometem a qualidade de vida dos pacientes”, observou.

A programação do encontro incluiu mesas redondas de palestras e debates sobre os direitos humanos, educação, diversidade e gênero e DST/AIDS na juventude.

Participaram do evento a coordenadora estadual de DST/AIDS/TB/HV, médica Silvana  Lima e Silva: o representante da Articulação Brasileira de Gays (Artgay) Denisson Alves; a representante do Fórum Amazonas de OSC/DST/AIDS/ TB/HV, Evalcilene Santos e o representante da organização Advocacy na Luta dos Direitos Humanos, Francisco Nery Furtado.

Mario Dantas