Empresas de ônibus já registram mais de 2,5 mil assaltos em 2017

By -

Nos oito primeiros meses do ano, as concessionárias que operam no transporte coletivo de Manaus registraram 2.542 assaltos, o prejuízo já chega a R$ 701,5 mil. Dados do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram), mostram que apenas em agosto foram registrados 371 assaltos, uma média de 11 por dia. 

O presidente do Sinetram, Carmine Furletti, ressalta que a retirada de dinheiro dentro dos ônibus é uma tendência e em breve todas as capitais brasileiras não aceitarão mais o pagamento em dinheiro. Ele garante que Manaus já tem tecnologia 100% funcionando para atender apenas com o cartão Passafácil.  

“Precisamos implantar esse modelo de pagamento em Manaus, caso contrário vamos continuar colocando a vida dos usuários e colaboradores em risco. Já temos tecnologia para isso e esperamos implementar esse modelo o mais breve possível. Em Goiânia esse sistema já funciona há 17 anos e nunca mais as empresas tiveram problema com esse tipo de crime”, disse.

Postos de venda 

Atualmente o Sinetram já possui mais de 164 postos de venda de créditos para os cartões Passafácil espalhados por todas as zonas da cidade. O usuário que quiser emitir o cartão cidadão deve se dirigir a um dos postos de atendimento do Sinetram localizados na sede do órgão ao lado do T1, no Terminal 3 ou no PAC Alvorada, e apresentar o RG e CPF. A emissão da primeira do cartão via é gratuita, a partir da segunda via o usuário paga uma taxa de R$ 15.

Roberto Brasil