Em Manaus, casas de show são fechadas por irregularidades

By -

boates-interditadas-manaus

O prefeito em exercício, Bosco Saraiva (PSDB) acaba de fechar a boate “All Night” no Efigênio Sales (V-8). Segundo fiscalização a boate não possui licença ambiental, alto de vistoria do Corpo de Bombeiros, extintor sem produto e possuia apenas duas saídas. Além da All Night, a fiscalização fechou mais duas casas de show, República Real, na Djalma Batista e Porão do Alemão, na Estrada da Ponta Negra, por falta de alvará de funcionamento, equipamentos de segurança e falta de sinalização que indiquem as saídas de emergência, entre outras irregularidades. 

A medida foi tomada, diante da grande tragedia ocorrida na madrugada de domingo, na cidade de Santa Maria-RS. O prefeito Artur Neto (PSDB) a tragedia deve servir como alerta para todo o país, e por isso, a determinação de fiscalização em todas as casas noturnas de Manaus. As que se encontrarem com irregularidades serão fechadas e terão os Alvarás de funcionamento suspensos. “Algo assim não pode se repetir”, alertou o prefeito.

De acordo com o subsecretário de receita da Secretaria Municipal de Finanças, Planejamento e Tecnologia da Informação (Semef), Miguel Brandão, o ‘All Night Pub’, ‘República Real’ e o ‘Porão do Alemão’ estão em processo de regularização e não poderão abrir as portas até o cumprimento das documentações.

Conforme explicou Brandão, uma casa noturna precisa oferecer todos os itens de segurança como extintores e saídas de emergência. As licenças são emitidas, respectivamente, pelo Corpo de Bombeiros e Departamento de Vigilância Sanitária, após vistorias. Outra licença obrigatória é a ambiental, liberada pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas).

“Além das licenças de segurança, sanitária e ambiental, essas casas noturnas precisam do Certificado de Informações Técnicas e o Habite-se do imóvel em dia, documentos emitidos pelo Implurb (Instituto de Ordem Social e Planejamento Urbano)”, explicou o subsecretário.

Redação