Em Figueiredo, casal que furtava carros leva a pior e termina preso

By -
Felipe e Edivaneide foram presos numa pousada portando grande quantia em dinheiro, entre objetos roubados

Felipe e Edivaneide foram presos numa pousada portando grande quantia em dinheiro, entre objetos roubados

A Polícia Civil do Amazonas, por meio do 37° Delegacia Interativa de Polícia (DIP), de Presidente Figueiredo, distante 107 quilômetros em linha reta de Manaus, efetuou na madrugada de segunda-feira (16), a prisão de Felipe da Silva Souto Maior, 24 e Edivaneide Abreu da Silva, 26 pela prática de furto em diversos pontos da cidade.

Segundo o delegado titular, Valdinei Silva, o casal estava praticando diversos furtos a veículos na cidade desde sábado, 15, e até o momento da prisão eles já haviam feito cinco vítimas.

Ainda segundo a autoridade policial na carteira de uma das vítimas havia um cartão de crédito com a senha anotada, aproveitando a oportunidade a dupla fez diversas compras, totalizando R$ 3.380,00 reais. “O dono do cartão retirou o extrato bancário e trouxe até a delegacia e a partir daí começamos uma investigação para chegar ao casal”, enfatizou Valdinei Silva.

casal-figueiredo-preso-03O casal foi preso em uma pousada localizada no bairro Morada do Sol, do município, com eles foram apreendidos R$4.700,00 reais, U$235,00 dólares, 7 celulares, uma caixa de isopor, uma caixa de som, cartões de crédito e débito, habilitação, identidade de vítimas, algumas joias entre outros pertences pessoais.

Ao chegarem a delegacia os dois tentaram se passar por irmãos, alegando que Felipe seria, Erivan Abreu da Silva, mas investigadores receberam informações de que homem estava mentindo o nome e que ele era companheiro da mulher. “Após recebermos as informações fomos puxar as fichas deles e descobrimos que Felipe estava omitindo o nome por ter dois mandados em abertos contra ele pela prática de roubo”, concluiu a autoridade.

Os dois foram conduzidos a Cadeia do local e foram autuados por furto qualificado, como prevê no artigo 155 do Código Penal Brasileiro. Felipe ainda responderá os mandados contra ele, pelos crimes de roubo, e por falsidade ideológica, artigo 299 do Código Penal Brasileiro. Eles ficarão presos na unidade policial do município, à disposição da justiça.

Roberto Brasil