Eletrobras Amazonas anuncia investimento de R$ 130 milhões em Coari

By -
"O dinheiro está assegurado por meio do programa Energia Mais já para 2016”, afirmou Antonio Paiva

“O dinheiro está assegurado por meio do programa Energia Mais já para 2016”, afirmou Antonio Paiva

“O serviço de fornecimento de energia elétrica no Amazonas tem que ter qualidade, segurança, confiabilidade e, principalmente, continuidade”. A afirmação é do diretor-presidente da Eletrobras Distribuição Amazonas, Antonio Carlos Faria de Paiva, que esteve no Município de Coari nesta quarta-feira (16), acompanhado de uma comitiva da empresa para uma visita técnica na Usina Termelétrica (UTE) e na agência da distribuidora na cidade.

Durante entrevista à imprensa local, o presidente falou dos investimentos em Coari nos próximos anos, que chegarão a R$ 130 milhões. Antonio Paiva informou que, somente a construção da UTE a gás contará com um investimento de R$ 100 milhões. “Coari está no começo do gasoduto, portanto, já devia estar com uma usina com matriz a gás em operação, ao invés de ainda estar operando com óleo combustível. A nova usina vai gerar 30 MegaWatts e vai garantir a segurança energética para o município atrair novos investimentos para a geração de mais emprego e renda. É um sonho do povo de Coari e também da Eletrobras Distribuição Amazonas”, afirmou.

Antonio Paiva também informou que a distribuidora já está fazendo um levantamento de toda área urbana de Coari para regularizar os bairros que ainda não têm energia elétrica por rede regular da empresa. No projeto de expansão da rede está prevista, desde a colocação dos postes, instalação das redes de alta e de baixa tensão, até a colocação do medidor do consumidor. “Aquele consumidor que não tiver condições financeiras de instalar o padrão em sua residência, nós vamos fazer essa instalação e financiar os custos, que poderão ser parcelados na fatura dele”, garantiu.

eletrobras-am-coari-02O presidente disse que, a partir da construção da nova UTE, que deverá ser instalada próxima ao City Gate do gasoduto Urucu-Coari-Manaus, com certeza surgirão novas demandas no município. Por isso, será feita a reestruturação do sistema de distribuição em Coari, com investimentos da ordem de R$ 5 milhões. “Teremos novos alimentadores, a instalação de religadores, definição das redes urbana e rural para que não haja mais interferências de uma rede na outra. O dinheiro está assegurado por meio do programa Energia Mais já para 2016”, adiantou.

Questionado sobre o Luz Para Todos, Antonio Paiva explicou que a oitava etapa do programa vai contemplar todos os municípios do Amazonas e muitas comunidades de Coari. “Já existe um recurso garantido pelo ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, para a implantação, por exemplo, de miniusinas solares que atenderão todas as comunidades mais isoladas, onde não conseguimos chegar com rede convencional. Em Coari, serão investidos R$ 25 milhões no Luz Para Todos”, adiantou o presidente.

Roberto Brasil