Dia Rosa movimenta mais de 100 UBSs de Manaus

By -

dia-rosa-ubs-01A Prefeitura de Manaus escolheu este sábado, 17, para intensificar as atividades de combate ao câncer entre mulheres e mobilizou o Dia Rosa envolvendo mais de 100 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), além de policlínicas e das Unidades Móveis de Saúde da Mulher da rede municipal para atender a população feminina, das 7h às 12h.Entre os serviços oferecidos em todas as zonas da cidade, houve a coleta de material para o exame preventivo (prioritariamente para mulheres de 25 a 64 anos), a solicitação de mamografias, as atividades educativas de prevenção ao câncer – como exame físico de toque de mamas – e a oferta da vacina contra o vírus HPV, um dos causadores do câncer de colo de útero, para meninas de 9 a 13 anos.

dia-rosa-ubs-02A mobilização enfatiza a programação desenvolvida pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) durante o Outubro Rosa, mês em que há um movimento mundial em prol da saúde da mulher. ”Esse é o mês em que as mulheres são chamadas à responsabilidade para a prevenção de sua saúde. E o trabalho que está sendo desenvolvido hoje pelas nossas equipes nas unidades é caracterizado por uma grande festa da consciência”, destacou Lubélia Sá Freire, subsecretária municipal de gestão em Saúde.

dia-rosa-ubs-03A estudante Josielle Cristina Saldanha Pinheiro, de 11 anos, foi atualizar seu cartão de vacinação com a segunda dose da vacina contra o HPV. Ela falou com propriedade sobre os cuidados que as mulheres precisam ter com a saúde, principalmente para combater o câncer. “Toda menina tem que tomar a vacina para não ter HPV, porque se a gente não prevenir logo, nessa idade, talvez quando  crescermos, não haverá mais chance. A mulher agora tem oportunidade de prevenir contra doenças e se não prevenir como fica o futuro?”, indagou. 

Mutirão de Saúde – Também neste sábado, em parceria com a Fundação Alfredo da Matta (Fuam), foi realizado mutirão de serviços de saúde oferecendo exames dermatológicos para todas as faixas-etárias, consultas médicas (dermatologia e infectologia), Teste Rápido para HIV e Sífilis e atividades educativas envolvendo cuidados contra a hanseníase, Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs/AIDS) e câncer de pele.

dia-rosa-ubs-04“É uma experiência que está sendo replicada, pois já fizemos outra edição na zona Leste, e o que a gente espera é detectar casos novos de hanseníase, HIV e sífilis e outras dermatoses, para que o encaminhamento, cadastramento e tratamento adequado sejam feitos. Essa é uma ação extra e nos unimos, prefeitura e governo, para conscientizar a população de que essas doenças existem e estão aumentando. Essa é uma maneira de fazermos um levantamento pontual de como está o quadro em cada zona da cidade”, alertou o presidente da Fundação Alfredo da Matta, Helder Cavalcante.

Roberto Brasil