Dia do Doador é celebrado com homenagem no Hemoam

By -

No ritmo de dois pra lá e dois pra cá, a ‘’Marujada de guerra do Boi Caprichoso’’ aos cuidados do presidente do movimento,  Sr. Carlos Nery e a participação do cantor de boi, Paulinho Viana, iniciaram a homenagem ao Dia Mundial do Doador de Sangue, comemorado nesta quarta-feira (14), na Fundação Hemoam. A marujada agitou os doadores, servidores e o público dançante com músicas de toadas.  

O boi Caprichoso já participa das campanhas de doação de sangue há mais de quatro anos, segundo o presidente do movimento ‘’É uma satisfação muito grande para nossa marujada quando trazemos nossos dançarinos, torcida, banda e cantor para interagir. O caprichoso é um parceiro do Hemoam sempre. Isso nos faz felizes. Apoiamos esta causa’’, disse o representante do boi.

Por outro lado, bem mais sereno e seguindo a programação especial, o diretor-presidente do Hemoam, Dr. Nelson Fraiji, fez um discurso ressaltando a doação de sangue no Amazonas, enfatizando que o Hemocentro atende 100%  das demandas do Estado, em virtude do compromisso do cidadão com o Hemoam ‘’Os índices de doação de sangue em Manaus é um dos maiores do país’’, destacou.

Dr. Nelson, com carinho, também dedicou palavras de agradecimento aos doadores de sangue:

‘’Hoje não é apenas um dia de agradecer ao doador, Hoje é dia de reconhecimento por essas pessoas que realizam esse gesto anônimo e de amor. Os doadores de sangue são pessoas que  merecem respeito e consideração. Hoje é dia de enaltecer as pessoas que promovem a solidariedade’’.

Os doadores de sangue foram presenteados com um lanche diferenciado durante a homenagem. O Hemoam segue com expediente normal até às 18h. Amanhã (15), feriado de Corpus Christi não haverá coleta de sangue. As atividades são retomadas na sexta-feira, exceto no posto de coleta da Maternidade Ana Braga, para fazer coletas de sangue. 

Dia do doador, Dia de doação

Dentre os doadores que realizaram a doação de sangue, hoje, a Marinha do Brasil também esteve presente por meio de um grupo, com cerca de 16 militares. O representante Vagner dos Santos Rosa, 1° sargento fuzileiro naval, contou que mensalmente a Marinha tem esse compromisso com o Hemoam ‘’Incentivamos bastante as pessoas a bordo. É uma atitude que beneficia tanto quem doa quanto quem recebe’’,  disse o sargento.

O técnico de eletrônica, Rômulo dos Santos, 46, também é doador de sangue. Há 28 anos começou a doar e comemora a data vindo ao Hemoam fazer doação ‘’Acostumei a doar sangue e me sinto gratificado em ajudar as pessoas. Hoje, eu até incentivo meus amigos a doar’’.

Roberto Brasil