Desincompatibilização de Abdalla pode devolver presidência da Aleam a Belão

By -

Dep. Belarmino Lins

Nos bastidores da Assembleia Legislativa são fortes os rumores de que o atual processo eleitoral suplementar no Amazonas poderá devolver a presidência do Poder ao deputado Belarmino Lins (Pros). Ele já administrou a Casa nos biênios 2005/2006, 2007/2008 e 2009/2010.

Juristas consultados asseguram que para ser candidato a vice-governador na chapa encabeçada pela empresária Rebecca Garcia (PP), o deputado Abdala Fraxe (PTN) terá que renunciar ao cargo de presidente da Aleam, que ocupa interinamente desde a ascensão de David Almeida (PSD) ao governo, em substituição a José Melo e Henrique Oliveira, cassados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A polêmica certamente agitará a sessão plenária de terça-feira (20) da Casa Legislativa, inclusive, considerando procedimentos do Ministério Público Eleitoral (MPE) em relação a situação jurídica dos candidatos concorrentes à batalha suplementar. O MPE proporá ações de impugnação de todos os registros daqueles que não se desincompatibilizarem conforme determina a legislação eleitoral.

 

Mario Dantas