Deputados se pronunciam sobre a saída do Superintendente da Suframa

By -
Segundo o Deputado Sidney Leite, não basta apenas capacidade e competência para comandar a Zona Franca

Segundo o Deputado Sidney Leite, não basta apenas capacidade e competência para comandar a Zona Franca

Da Redação – Após o Superintendente da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA), Thomaz Nogueira, ter anunciado no dia (27) sua saída do órgão, registraram-se vaias em sinal de que muitos viram sua justificativa como sendo apenas parte de um ciclo normal, enquanto outros alertam que esse é um recado para que a classe política cobre mais respeito do Ministério de Planejamento sobre o tratamento a este modelo.

Para o Deputado Sidney Leite (PROS), a saída do Superintendente da Suframa parece ser mais um recado para a classe política, a fim de demandar um melhor tratamento por parte do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior ao modelo da Zona Franca. Explicou ainda que os 50 anos de prorrogação da Zona Franca é resultado da pressão exercida.

Para o Deputado José Ricardo, a Zona Franca tem que ir além do que está indo hoje

Para o Deputado José Ricardo, a Zona Franca tem que ir além do que está indo hoje

“Concordo com ele, pois não basta apenas capacidade e competência para comandar a Zona Franca, mas também é preciso ter meios, pois se trata de um contingente de recursos que merecem uma atenção por parte deste Ministério, parabenizo a decisão, apesar de lamentar”, disse o deputado Sidney Leite e anunciou que irá fazer um esforço com a bancada parlamentar neste sentido.

Para o Deputado José Ricardo (PT), a saída do superintendente da Suframa é um fato comum e explicou que este órgão precisa de uma autonomia maior, ressaltou ainda a importância dos processos produtivos básicos, além de considerar também outros aspectos, como o setor financeiro e pessoal, pois os funcionários estão sempre em paralisação pela defasagem salarial.

De acordo com o parlamentar “deve-se destacar os Processos Produtivos Básicos (PPB) e explicou que a Suframa constitui um foco de desenvolvimento para a região e tem que ir além do que está indo hoje, tem que olhar para frente”. (Mercedes Guzmán – Foto: Áida Fernandes)

Roberto Brasil