Deputados-estudantes conhecem o papel e a estrutura da Aleam

By -

aleam-parlamento-jovemNo primeiro dia de atividades da nona edição do Parlamento Jovem, estudantes participantes do programa assistiram à palestra do diretor-geral da Aleam, Wander Mota, sobre “O Papel Institucional da Assembleia Legislativa”. O diretor também apresentou toda a estrutura e o funcionamento do órgão, que é constituído por 24 deputados eleitos pelo voto direto da população, para um mandato de quatro anos.

Wander Mota é graduado em Direito e Contabilidade e é professor na Universidade Federal do Amazonas – Ufam, há quase 30 anos. “Consigo conciliar minhas atividades como diretor-geral da Aleam e como professor da Ufam porque acredito na educação. Um país só se transforma através da educação. E acho importante estar aqui para dizer que vocês, jovens, estão vivendo um momento histórico e importante na política do país. A participação de vocês é fundamental nesse processo e o Parlamento Jovem vem trazer essa consciência”, disse ele aos alunos.

Durante 30 minutos o diretor seguiu explicando aos estudantes a importância do Poder Legislativo no processo democrático. “Além de transformar em leis as demandas de uma sociedade, o Poder Legislativo acompanha e fiscaliza os outros Poderes. Ele é ainda o único Poder que pode alterar a Constituição Federal”, enfatizou Wander.

Concluindo sua palestra, o diretor ressaltou a dedicação e o esforço dos servidores da Gerência de Educação Cidadã que, em meio à crise financeira que o país e as instituições atravessam, “continuam realizando o Parlamento Jovem com entusiasmo e paixão”.

Abertura

Abrindo o cronograma de atividades 2016, os alunos deputados e suplentes participaram de um café da manhã promovido pela Gerência de Educação Cidadã da Escola do Legislativo.

Em seguida, o vice-diretor da Escola do Legislativo, Fabiano Affonso, falou aos alunos sobre o estágio de adaptação na selva, durante um fim de semana. A experiência, inovadora e não-obrigatória, está sendo oferecida pelo Exército Brasileiro para que os alunos tenham conhecimentos gerais sobre técnicas e processos de sobrevivência na selva.

O capitão Pereira, do 1º BIS, fez ainda uma apresentação sobre a experiência, as condições e os cuidados necessário para que o aluno possa participar do estágio com segurança.

Para a gerente do setor de Educação Cidadã, Cassandra Serejo, o primeiro dia de atividades foi pensado e planejado para promover uma consciência política e social nos jovens deputados e suplentes. “A manhã do primeiro dia de atividades do Parlamento Jovem foi vitoriosa, uma vez que conseguimos mostrar a esses alunos o papel do Legislativo, um Poder que representa o povo e a democracia, bem como oferecer a eles esse estágio na selva em um fim de semana, para que eles tenham o sentimento de pertencimento a nossa pátria e ao nosso estado”, disse Cassandra.

Roberto Brasil