Debate realizado pelo TCU, em Manaus, vai reunir mais de 300 pessoas

By -

Fachada TCECom presença de 300 inscritos, entre eles representantes de secretarias de Estado e dos municípios, o Tribunal de Contas da União (TCU) e o Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) realizam nesta terça-feira, a partir das 8h, no auditório do órgão, um grande debate técnico sobre “Governança Pública para o Desenvolvimento Nacional Sustentável – Edição Amazonas”. Também chamado de “encontro técnico”, o evento vem sendo realizado desde o início deste mês pelo TCU em todas as capitais do país com o apoio dos TCEs.

O objetivo do debate é obter e sistematizar informações sobre governança e gestão das aquisições nas organizações públicas das esferas estadual e municipal, e sobre governança pública em âmbito nacional. Tem como público-alvo os gestores públicos da administração direta e indireta do Estado e municípios.

Depois da abertura, que será realizada pelo presidente em exercício do TCE, conselheiro Ari Moutinho Júnior, e pelo coordenador-geral da Escola de Contas Públicas (ECP), conselheiro Érico Desterro, o auditor federal do TCU, Cláudio Silva da Cruz, conduzirá o debate com os participantes dos órgãos estaduais e prefeituras.

“É um debate importante do ponto de vista da administração pública. Esse evento é organizado e custeado pelo próprio TCU, que quer desenvolver essa ideia de governança pública em todo o país. É um evento articulado pela Secretara Geral de Controle Externo do TCE. A ideia é trazer à discussão não somente os técnicos do TCE, mas sociedade, propagando, assim, essa cultura voltada para a sustentabilidade”, afirmou o diretor-geral da ECP, Harleson Arueira.

Os debates em todo o país estão sendo realizados por meio de acordo de cooperação entre o TCU, o Instituto Rui Barbosa (IRB), a Associação dos Membros do Tribunais de Contas do Brasil (Atricon) e Tribunais de Contas dos Estados e Municípios do Brasil.

Roberto Brasil