Consulado Japonês participará de debate sobre viabilidade do eixo Manta-Manaus

By -
A reunião envolveu nove deputados amazonenses, incluindo o presidente da Casa, Josué Neto

A reunião envolveu nove deputados amazonenses, incluindo o presidente da Casa, Josué Neto

Em visita de cortesia à Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), nesta quinta-feira (16), o novo cônsul geral do Japão em Manaus, Shuji Goto, informou que participará dos debates sobre o eixo Manta-Manaus, que liga a capital amazonense ao Pacífico, e pode reduzir em até 25 dias o transporte de produtos entre Manaus e países asiáticos, em comparação com o canal do Panamá.

O assunto foi tratado em reunião com o presidente da Aleam, deputado Josué Neto (PSD), e mais oito deputados estaduais do Amazonas. Investimentos no Estado, recuperação do pólo industrial de Manaus, e oTorneio Olímpico na Arena da Amazônia em agosto também foram pautas da reunião.

Após o encontro, Josué Neto informou que uma possível parceria com o Japão, para viabilizar o eixo Manta Manaus, foi apresentada na reunião, e deverá passar por mais discussões estudos. Mas se tiver o apoio, não só dos japoneses como demais países asiáticos, será muito bom para o Amazonas, e para o Brasil.  

Sobre o assunto, o cônsul Shuji Goto, disse que vai se inteirar sobre os detalhes do projeto, e participará de reuniões na Aleam para tratar sobre o tema. “Fomos convidados a participar de mais reuniões, e vamos ouvir para entender melhor o projeto”, afirmou Goto através de seu intérprete, o cônsul geral adjunto, Takahiro Iwato, que o acompanhou na visita,

O presidente Josué Neto lembrou das importantes contribuições que os japoneses fizeram no decorrer dos anos 90 no Amazonas, como adaptações do cultivo de juta e malva no Estado, e que fazem até hoje através das 40 empresas instaladas no pólo industrial de Manaus, e também com as contribuições junto a primeira escola bilíngue, de idioma japonês do Brasil, instalada no Amazonas.

“É muito bom estreitarmos esse tipo de relacionamento com o povo japonês que tanto nos passou experiências de produção primária e que trouxe para o Amazonas fábricas de importantes produtos que são exportados para o mundo todo”, disse.

Sobre o pólo industrial, o cônsul Shuji Goto informou que apesar da crise, existe uma grande esperança por parte das empresas japonesas instaladas aqui em relação a retomada da economia brasileira.

 

Olímpiadas

Segundo o cônsul geral adjunto, Takahiro Iwato, o Amazonas tem chamado mais atenção dos japoneses desde a divulgação de que alguns jogos serão realizados em Manaus, na Arena da Amazônia nos dias 4 e 7 de agosto. Segundo ele, além da seleção japonesa, que disputará em Manaus a primeira fase do Torneio Olímpico na Arena da Amazônia, ao lado da Nigéria e Colômbia, muitos japoneses virão a Manaus prestigiar o evento.

Roberto Brasil