Comunidade São Francisco do Caramuri pede construção de escola

By -

comunidade-caramuri-01Da Redação – Na última quinta feira (11), a vereadora Vilma Queiroz (PROS) esteve presente na comunidade de São Francisco do Caramuri, situada à margem do Rio Preto, Km 134 da AM-010, zona rural de Manaus (que interliga Manaus ao Município de Itacoatiara) atendendo à solicitação do Presidente dos Moradores, Daniel Leandro e verificou in loco, as demandas dos moradores referentes, principalmente, à educação e à necessidade urgente da construção de uma escola e uma Unidade Básica de Saúde, dentre outras.

 

A vereadora Vilma Queiroz foi acompanhada pelo líder comunitário e verificou a situação precária da atual escola que atende mais de cinqüenta crianças de 1ª a 4ª serie (04 a 05 anos). Ficou sensibilizada e se prontificou a cobrar as demandas da comunidade junto à Secretaria Municipal de Educação, Kátia Schweickardt e  assim  mudar esta realidade.

 

comunidade-caramuri-02O presidente da Associação dos Moradores da Comunidade de São Francisco do Caramuri, Daniel Leandro, reclamou e disse “não tem nem banheiro decente, falta escada e iluminação, a rede elétrica está comprometida, os alunos que utilizam ‘rabeta’ (canoa motorizada) sofrem muitas vezes pela falta de gasolina para o transporte fluvial deles.

Falta atenção na Saúde

De acordo com o Presidente da Associação dos Moradores, Daniel Leandro, já são mais de dois anos que a construção de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) é reivindicada e disse “as pessoas são atendidas precariamente onde funciona a Associação, sem a infraestrutura necessária, a outra opção é enfrentar duas horas de viagem em ‘voadeira’ até Itacoatiara para conseguir atenção médica”.

Uma solicitação para a construção de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) foi enviada à Secretaria Municipal de Saúde (Semed),  a vereadora Vilma Queiroz ira apoiar a obra porque sabe o quanto a comunidade do Caramuri necessita deste beneficio.

O nome de Caramuri significa “fruta que alimenta o homem” na língua indígena sateré mawé. Trata-se de uma fruta de polpa muito doce da região do baixo Amazonas. (Mercedes Guzmán)

Roberto Brasil