Comunidade rural solicita eletrificação rural em Rio Preto

By -

eletrificacao-rural1Da Redação – coordenador estadual do programa de Eletrificação Rural do Ministério de Minas e Energia Robson de Bastos recebeu convite para participar de uma reunião com trabalhadores rurais do município de Rio Preto da Eva (distante 57 quilômetros em linha reta de Manaus) onde ele foi levar informações a respeito de Eletrificação Rural.

O encontro ocorreu na Comunidade do Ramal da Brahma onde agricultores do citado Ramal e da ZF8 participaram do evento. Todos os presentes são trabalhadores rurais, e estão ansiosos pela eletrificação nos domicílios, para      eu eles possam melhor armazenar alimentos, produtos perecíveis além de Polpa de Frutas, pois a área é rica em fruticultura, e eles esperam receber os benéficos do programa para que dai em diante possam melhor desenvolver aas atividades econômicas.

Robson de Bastos fez um esclarecimento junto aos comunitários, que o primeiro passo para se conseguir os benéficos do programa, eles terão em primeiro lugar conseguirem junto a Suframa a regularização fundiária, pois a eletrificação somente chegará após cada domicilio ter a devida regularização fundiária, como as comunidades estão localizadas no Distrito Agropecuário da Suframa, cabe a autarquia regularizar os domicílios lá existentes. “ É preciso em primeiro lugar que vocês possam organizar uma comitiva e entrar em contato com a Suframa. Eu me disponho a intermediar as negociações, mas vocês tem que escolher os representantes, e em seguida irmos até a Suframa e formalizarmos o processo de regularização fundiária que lhes dará o direito do uso da terra, e assim além da eletrificação rural, os lotes regularizados terão condições de conseguir até financiamento dos bancos oficiais”, disse Robson de Bastos.

O prefeito de Rio Preto da Eva, Dr Ricardo, também participou da reunião, ele se colocou a disposição das comunidades para dar o apoio que for preciso, e garantiu que o poder publico municipal vai ajudar no que for necessário ” Nós já estamos colocando em pratica um projeto de recuperação de ramais, graças ao apoio do governo federal através do PAC 2 onde disponibilizou maquinas para a recuperação de ramais e estradas vicinais, e a prefeitura esta do lado dos comunitários no que for preciso” disse o prefeito municipal.

Ficou certo que será formado um grupo de comunitários que irão até a Suframa para começarem o processo de regularização fundiária, e assim conseguir os benefícios de eletrificação rural além da possibilidade de conseguir firmar convênios com os bancos oficiais. (Kennedy Lyra)

Roberto Brasil