Comunidade José Bonifácio cobra serviços de saúde e melhoras no transporte público

By -

Da Redação – Moradores da comunidade José Bonifácio solicitam um Posto de Saúde e melhorias no transporte público. O registro foi na ação social realizada no domingo (26), na Escola Lucila Freitas, na Rua Rosa de Maio, bairro Colônia Santo Antônio, zona norte de Manaus, onde foram disponibilizados serviços odontológicos e corte de cabelo. A iniciativa foi da Associação de Moradores em parceria com a Faculdade de Odontologia da UEA.

O presidente da Associação de Moradores José Bonifácio, conhecido como ‘Lula’, destacou o trabalho dos acadêmicos da Faculdade de Odontologia e agradeceu o apoio ao vereador Mauro Teixeira (PODE) para realizar a ação social em beneficio da comunidade. “A nossa comunidade carece de tudo, não temos um Posto de saúde, a casinha não funciona por falta de médico e remédios e para uma consulta as pessoas esperam meses, no transporte precisamos outra linha de ônibus ligada ao T3, pois só temos a 454 e as crianças para ir à escola esperam desde seis da manha o ônibus que passa lotado”.

“O trabalho da Associação de moradores esta sendo apoiado pelo vereador Mauro Teixeira para realizar atividade esportiva como a Zumba nas quartas e sextas, às 19h30, no balneário Esquina do Bolero, na comunidade José Bonifácio. Agradecemos ao vereador pela ajuda para realizar também outras atividades sociais em beneficio dos moradores”, salientou Lula.

Preocupados com o meio ambiente

Moradores da comunidade também reclamaram da falta de espaços de lazer, de quadras para fazer esporte e disseram estar preocupados com o meio ambiente desta área.

“Nesta área temos muitos Igarapés que estão se tornando depósitos de lixo porque a população não tem consciência sobre a poluição do meio ambiente, queremos uma limpeza nestes igarapés e que também vejam as áreas verdes que estão sendo invadidas e estão se tornando lixeiras no meio da comunidade”, disse Miguel Albuquerque Júnior.

“Aproximadamente vinte igarapés encontram-se nesta área e precisam de uma limpeza. Pedimos às autoridades que olhem o nosso meio ambiente para que a gente não viva num ambiente poluído pelo lixo. As pessoas jogam até geladeiras velhas e todo tipo de coisa. É preciso realizar uma campanha educativa para sensibilizar as pessoas de que o lixo deve ser jogado no lixeiro e a importância de preservar o nosso meio ambiente”, afirmou o morador.

A comunidade José Bonifácio foi fundada por migrantes portugueses e atualmente conta com aproximadamente treze mil habitantes.

Mercedes Guzmán

Roberto Brasil