Comunidade de Óbidos prestigia XIV Troféu Índio Pauxi

By -

Da Redação – No sábado (23), no Clube Fazendário em Manaus, aconteceu a 14ª edição do “Troféu Índio Pauxi”, evento de reconhecimento às pessoas oriundas de Óbidos que contribuíram a sociedade. A iniciativa é da Associação dos Obidenses Residentes em Manaus com a organização de Paulo Onofre e o evento contou com a presença do Prefeito de Óbidos, Francisco Jose Alfaia de Barros, entre outros.

O objetivo do Troféu Índio Pauxi, segundo o regulamento “é premiar anualmente obidenses ou entidades que se destacaram prestando relevantes serviços à comunidade nas mais diversas áreas”, na expressão de agradecimento e aplausos de toda a nossa terra, por seu profissionalismo e comportamento de cidadão exemplar em prol do ser humano e dos obidenses em particular.

Na oportunidade foi lançado o livro ‘A trajetória e vida de um filho da Amazônia’, do escritor obidense Romualdo Figueira. Os agraciados foram escolhidos por uma comissão de empresários obidenses que residem em Manaus e pela diretoria da Associação dos Obidenses Residentes em Manaus e foram: Antônio Morais de Aquino, Engenheiro Elétrico, com Pós-Graduação em Administração Hospitalar; Cimar Garcez, Fotógrafo; Daniel Vasconcelos,  Odontólogo; José Júlio Maciel Pinto, Professor em Óbidos; Otávio Canto Lopes, professor da UFPA, Geógrafo e Pesquisador; Rosinaldo Cardoso, Vereador em Óbidos e William Canto, Professor em Óbidos.

As pessoas homenageadas receberam um Diploma de Mérito e uma Estatueta de Madeira, simbolizando o Índio Pauxi, significando o valor de quem trabalha com ideal e denodo, por uma sociedade mais próspera e mais justa.

Para o organizador do evento, Paulo Onofre, “o reconhecimento dos obidenses que receberam o Troféu, é importante porque muitos migraram para Manaus, Belém, ou outras cidades, enfrentando vários percalços, vivendo longe de suas famílias e mesmo assim venceram todos os obstáculos e importante destacar: não esqueceram suas raízes”.

Reconhecimento valoriza e estimula os jovens

No seu discurso o Prefeito do município de Óbidos (PTL), Francisco Jose Alfaia de Barros disse que a tarefa de administrar é desafiadoramente hercúlea. “O partidarismo exacerbado e até irresponsável, embora democrático, nos impede às vezes de nos unirmos em um só ideal, o da reconstrução do nosso município. Ainda teremos que percorrer o caminho das medidas impopulares para salvarmos o pouco que restou e prepararmos o alicerce seguro de um amanha”, destacou.

O professor da UFPA, Otavio Canto Lopes, disse que a importância do evento é valorizar pessoas que contribuem na qualidade social, valorizando e estimulando pessoas, especialmente mais jovens, para construir uma sociedade mais justa e mais fraterna.

“Para mim significa muito este reconhecimento porque fomos escolhidos entre mais de cem mil habitantes que moram dentro e fora de Óbidos, o povo é muito solidário e muito hospitaleiro para quem nos visita”, afirmou o vereador da Câmara Municipal de Óbidos, Rosinaldo Cardoso.

O Doutor Nivaldo Amaral, um dos primeiros homenageados do “Troféu Índio Pauxi” também falou sobre a premiação. “Eu sinto-me muito honrado com este reconhecimento. “Vim para Manaus em 1964. Agora estou aposentado da Universidade. Lá me diziam: o senhor tem muito parente. Mas é porque tentei ajudar da melhor forma possível aos meus conterrâneos. Eles são a minha família também”, finalizou.

Mercedes Guzmán

Roberto Brasil