Clima de insegurança em Maués faz prefeito pedir ajuda às autoridades

By -
Pref. Carlos Góes

Pref. Carlos Góes

Da Redação – O prefeito de Maués, Carlos Goés, está em Manaus para denunciar o clima de violência vivido em seu município, pondo em risco, inclusive, o processo eleitoral local.
“Estamos num período eleitoral e algumas situações que vêm ocorrendo em Maués têm me preocupado. Por conta deste clima tenso provocado por atos de violência quero sensibilizar e fazer um apelo aos órgãos competentes e chamar a atenção para o que está acontecendo”, disse o Prefeito de Maués.

Segundo ele, duas Unidades Básicas de Saúde (UBS), a Jorge Brito e a Verônica Kumagai, foram invadidas e depredadas, causando prejuízo para a população no que se refere ao acesso e atendimento em saúde. Outro fato acontecido na primeira semana de setembro foi o arrombamento e depredação da sede do Partido dos Trabalhadores (PT). Durante o Festival de Verão, Darcy Nildo dos Santos Marinho, segurança dele, foi assassinado a facadas quando tentava apartar uma briga de galerosos.

Atualmente, a população de 60 mil habitantes do município conta com o apoio de apenas quinze policiais militares que utilizam quatro viaturas e oito motos para garantir a paz e segurança na região.

Diante dos fatos, Carlos Góes solicitou providências urgentes ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) e Governo do Estado do Amazonas e assim cumprir com a Constituição no que se refere à segurança da população.  (Mercedes Guzmán)

Roberto Brasil