Cassação de Melo cria precedente contra Temer

By -

O procedimento adotado pelo Tribunal Superior Eleitoral na cassação do governador José Melo (Pros) e do vice, Henrique Oliveira (SD), beneficiou um aliado direto do presidente Michel Temer, o senador Eduardo Braga (PMDB), mas foi um péssimo sinal para o próprio presidente. Mesmo não havendo nenhuma acusação formal contra Henrique, a cassação atingiu o vice em cheio. Por analogia – e pelos argumentos dos ministros – a chapa Dilma-Temer também virá abaixo, com novas eleições à vista.

Após a votação do ‘Caso José Melo’, dificilmente o TSE dará guarida ao argumento de que o então vice-presidente Michel Temer nada teve a ver com a campanha de Dilma Rousseff, do PT.

O ministro Herman Benjamin, relator do processo de cassação da chapa Dilma-Temer, deu um dos votos mais contundentes no julgamento de José Melo. Está, aparentemente, com sangue nos olhos contra a classe política.

(DO SIM&NÃO/PORTAL A CRÍTICA)

Roberto Brasil