Caseiro envolvido em homicídio de agricultor é preso em Manaquiri

By -
Roberto Rocha matou o agricultor Elcio Nunes após o sumiço de um galo

Roberto Rocha matou o agricultor Elcio Nunes por causa do sumiço de um galo

Servidores lotados na 33ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Manaquiri, município distante 60 quilômetros em linha reta de Manaus, sob o comando da delegada adjunta, Poliana Cristina, e com apoio da Polícia Militar, prenderam na noite de sexta-feira, 10, por volta de 18h, o caseiro Roberto Rocha da Silva, 36, pelo crime de homicídio.

De acordo com o delegado titular da 33ª DIP, Tiago Lima, o caseiro está envolvido no homicídio do agricultor Elcio Nunes Nogueira, 34, ocorrido no início da tarde de sexta-feira, 10, por volta de meio-dia, no Ramal do Jutaí, Km 02, zona Rural de Manaquiri.

“O fato ocorreu após uma discussão entre os dois pelo sumiço de um galo que pertencia a vítima. O agricultor foi à residência do autor, portando um terçado, para tirar satisfações pelo desaparecimento do animal. No momento em que eles discutiam, Elcio desferiu um golpe de faca em Roberto, que revidou com quatro golpes nas costas da vítima, que foi a óbito no local”, explicou o delegado.

A autoridade policial informou que o homem foi preso após receber informações pelo número 190 do Disk denúncia, comunicando a localização de Roberto. Em depoimento, ele confessou o crime, contudo alegou legítima defesa.

Na unidade policial, Roberto foi autuado por homicídio qualificado por motivo fútil, crime previsto no Artigo 121, parágrafo 2º, inciso 2, do Código Penal Brasileiro. Ao término dos procedimentos legais cabíveis, ele continuará preso na delegacia do município, onde permanecerá à disposição da Justiça.

O delegado Tiago ressaltou à importância na rapidez das diligências tomadas. “Conseguimos prender Roberto horas depois dele cometer o crime. O apoio da comunidade foi essencial para o sucesso da ação. Dessa forma, conseguimos dar um retorno da Polícia Civil de Manaquiri à população”, finalizou.

Roberto Brasil