Casa Vhida e FMT promovem, neste sábado, dia 18, plantio de mudas como parte do “Projeto Floreando a Vhida”

By -

informa-blogdafloresta2014

A Casa Vhida, em parceria com a Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD), vinculada à Secretaria Estadual de Saúde (Susam), promove neste sábado, dia 18, às 9h, mais uma ação do “Projeto Floreando a Vhida”. Desta vez, um grupo de aproximadamente 30 crianças e adolescentes atendidas pela entidade irá realizar o plantio de mudas ornamentais na entrada da FMT, na rua Pedro Teixeira, nº 25, bairro do Dom Pedro, zona centro-oeste de Manaus.

A Casa Vhida atende crianças e adolescentes com HIV. A diretora da instituição, médica Solange Dourado, ressalta que o projeto nasceu como estratégia para reforçar a importância da adesão ao tratamento, para manter o controle da doença. “A ideia é fazer uma correlação entre os cuidados que as plantinhas precisam para sobreviver, com aqueles que devem ser observados pelas crianças e adolescentes, e por seus responsáveis, em relação ao tratamento, como o uso sistemático da medicação, por exemplo”, frisa Solange. “Uma plantinha precisa de água, de sol, de poda, de cuidados com a terra, para crescer, dar flores e frutos. Assim são as crianças e, no casos das que vivem com o HIV, mais especiais e frequentes devem ser esses cuidados”, afirmou a médica.

O primeiro plantio organizado pelo projeto ocorreu em abril deste ano, exatamente na área de entorno da sede da Casa Vhida. “Ali, as crianças que participaram da atividade podem continuar cuidando e observando os efeitos positivos desse cuidado, na evolução das plantas”, conta Solange.

O projeto também se propõe a combater os estigmas e preconceitos que rondam as pessoas que vivem com HIV. Uma forma de trabalhar a questão é estimular as crianças a se sentirem parte do ambiente em que vivem, dos espaços que fazem parte de sua rotina, mas como protagonistas. “Por isso, desta vez optamos por realizar a atividade na Fundação de Medicina Tropical, o lugar onde estas crianças fazem seu acompanhamento médico. É importante que elas estejam aqui mostrando que podem ajudar, também, cuidar do local, contribuindo com a arborização da cidade, em todos os espaços possíveis”, salientou Solange Dourado.

A diretora-presidente da FMT, Graça Alecrim, afirmou que a instituição recebeu como muita alegria a proposta de sediar uma das atividades do Floreando a Vhida. “Para nós, as crianças e adolescentes que atendemos aqui são, acima de tudo, cidadãos. Além dos cuidados médicos que dispensamos a ela na nossa rotina de atendimento, fazemos questão de contribuir, também, para que se sintam valorizadas e respeitadas”, afirmou Graça Alecrim.

No sábado, antes de iniciar o plantio das mudas, as crianças serão recebidas na área da recepção do ambulatório da FMT, que estará especialmente ornamentada com balões para acolhê-las. Após o plantio, elas participarão de um lanche organizado pela coordenação da atividade, com o apoio da Alemã Industrial Ltda, também parceira no projeto.

O Floreando a Vhida também tem a parceria da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas).

Mario Dantas