Carro autônomo da Uber atropela e mata mulher nos EUA

By -

Empresa suspendeu testes com veículos sem motorista nos Estados Unidos e no Canadá – Imagem: Reprodução/AP

Na noite de domingo (18), uma mulher foi atingida por um carro autônomo do Uber em Tempe, no Arizona. Ela morreu no hospital após algumas horas devido aos danos causados pelo acidente.

A colisão fatal — reportada pela rede ABC15 foi confirmada ao Gizmodo pelo Uber e pela polícia de Tempe — ocorreu por volta das 22h (horário local) na intersecção da avenida Mill e a estrada Road. Segundo a polícia de Tempe, o carro estava no modo autônomo na hora do incidente. Geralmente, desenvolvedores desse tipo de veículo testam funcionalidade durante a noite, tempestades e em outras condições adversas para ajudar os carros a aprenderem a navegar em condições distintas.

A polícia ainda informou em um comunicado que “um parente próximo da mulher ainda não foi avisado e, por essa razão, o seu nome ainda não foi divulgado. O Uber está ajudando e estamos ativamente investigando.”

Nós entramos em contato com o Uber e vamos atualizar a história assim que eles tiverem um comentário sobre o incidente. Por ora, a companhia fez um comunicado público no Twitter.

O programa piloto de veículos autônomos do Uber foi temporariamente suspenso no início de 2017 por causa de um acidente, também em Tempe, embora a colisão não tenha provocado lesões sérias. Em dezembro de 2016, um dos carros autônomos do Uber passou por um farol vermelho em San Francisco — um incidente que o Uber inicialmente atribuiu a um erro humano, mas que depois foi revelado que foi causado pelo veículo. Com a morte de uma pessoa, o programa foi novamente suspenso.

(Com informações da Gizmodo)

Roberto Brasil