Câmara substitui projeto de shopping por anexo de R$ 320 milhões

By -
Por falta de parceiros, ideia de ampliar a Casa foi readaptada

Por falta de parceiros, ideia de ampliar a Casa foi readaptada

Diante da falta de interesse de empresas para uma Parceria Público-Privada, a Câmara dos Deputados decidiu abandonar a proposta do “Parlashopping”. “Menina dos olhos” do deputado e presidente afastado da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), o antigo projeto deve ser trocado por um anexo mais simples. Segundo O ESTADÃO DE S.PAULO conseguiu apurar, a Mesa Diretora decidiu gastar R$ 320 milhões em um prédio que vai abrigar apenas gabinetes e expandir a antiga estrutura da Câmara. A expectativa é de que a obra fique pronta entre três e quatro anos.

Roberto Brasil