Câmara Federal começa 2013 com mais de 30 mudanças

By -

plenario-camara-federal

Dentro da Câmara Federal existe a expectativa de que o número de suplentes que vão assumir o mandato em definitivo ou de forma temporária chegue aos 34. Por enquanto, somadas as renúncias e licenças, as mudanças somam 31. De acordo com informações da Casa, dois suplentes ainda não tomaram posse, o que deve ocorrer nos próximos dias.

O último deputado a se licenciar do cargo foi o ex-vice-líder do DEM na Câmara Pauderney Avelino (AM). Cotado para assumir a liderança da bancada neste ano com a eleição de ACM Neto como prefeito de Salvador, ele deixou o cargo temporariamente na sexta-feira. Pauderney vai assumir a Secretaria de Educação de Manaus na administração do tucano Arthur Virgílio. O deputado do DEM também disputou a eleição em Manaus, mas acabou ficando fora do segundo turno.

Por enquanto, seu suplente ainda não tomou posse. O substituto tem 72 horas para informar à Câmara se assumirá o cargo ou não. Em 2010, Pauderney foi eleito por uma ampla aliança proporcional que juntou 12 diferentes partidos, indo do DEM ao PCdoB. Por isso, a expectativa é que seja convocado Eronildo Braga Bezerra (PCdoB).

O representante do PCdoB, que teve 80.545 votos em 2010, é casado com a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), derrotada no segundo turno da eleição em Manaus por Virgílio. Caso Bezerra decida não assumir, a Câmara convocará o próximo suplente, Plínio Valério (PSDB). Ele também terá três dias para se decidir. Os contatos são feitos até o 11º suplente da coligação.///CONGRESSOemFOCO

Redação