Cabo Maciel cobra ação mais enérgica da SSP aos assaltos em ônibus

By -

As zonas Norte e Leste da capital são a regiões com maior incidência

O presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado estadual Cabo Maciel (líder do PR) cobrou ação mais enérgica do Poder público no combate aos assaltos a ônibus que virou rotina em Manaus. A sensação de insegurança tomou conta dos usuários de transporte especial e coletivo em Manaus.

De acordo com Cabo Maciel os dados do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram), entre janeiro e outubro de 2017, foram registrados 3.231 assaltos, uma media 325 por mês e 10,8 ônibus assaltados por dia, ou seja, a cada duas horas um ônibus é assaltado em Manaus. Uma das linhas mais roubada do sistema é a 560, da empresa Integração Transportes. Só ela registrou 216 assaltos entre janeiro e outubro.

Disse Cabo Maciel que só em janeiro de 2018 já foram 331 ônibus assaltados na capital, dos quais 15 foram na linha 560, que sai da avenida Passarinho, no Monte das Oliveiras, e vai até o terminal 2,  no bairro Cachoeirinha, na Zona Sul. Já a linha 650, da empresa Global, que sai do terminal 4, no bairro Jorge Teixeira, na Zona Leste, e vai até a plataforma da Matriz, no Centro, foi assaltada 14 vezes.  Essas são as linhas mais assaltadas na cidade.

Roberto Brasil