Bi Garcia questiona procedimento preparatório instaurado pelo MPE contra sua candidatura à prefeito de Parintins

By -
Dep. Bi Garcia

Dep. Bi Garcia

O deputado estadual, Bi Garcia (PSDB) questionou na sexta-feira (11), a abertura de um procedimento preparatório eleitoral  contra ele, instaurado pelo Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE-AM), por meio do promotor de justiça de Parintins, Flávio Silveira,
para instruir uma futura ação de impugnação de registro da candidatura do parlamentar a prefeitura do município.
Segundo Garcia, esse tipo de procedimento não deveria ser aberto até a confirmação dos partidos, em relação às candidaturas a prefeito.
“Acho isso uma atitude de linchamento  moral por parte do promotor, que tenta se antecipar antes do próprio partido definir a candidatura. O papel dele é de avaliar o registro de candidatura após a homologação nas convenções municipais, aí sim oferecer a denúncia, ou não,  se o candidato estiver apto de acordo com a documentação exigida pela legislação eleitoral”, comentou.

“Eu não tenho nada a temer, eu acho que até o promotor está equivocado quando ele tenta buscar em um julgamento fraudulento que foi feito pela câmara de vereadores em uma conta que ainda não foi transitada e julgada no TCE. As contas serão  avaliadas novamente, portanto não existe nenhuma condenação no tribunal. Há de se entender que a câmara não tem competência para julgar, o que não teve julgamento final no TCE”, concluiu.

Mario Dantas